Selina Jörg e Edwin Coratti vencem etapa do Snowboard Paralelo

Selina Jörg venceu a etapa de Rogla da Copa do Mundo de Snowboard Paralelo (Miha Matavz/FIS)

Dois atletas experientes e que viveram o melhor momento de suas carreiras na temporada passada conquistaram a vitória na etapa de Rogla, na Eslovênia, na Copa do Mundo de Snowboard Paralelo. A alemã Selina Jörg e o italiano Edwin Coratti venceram a corrida de Slalom Gigante realizada no último sábado, 19 de janeiro. 

Os dois atletas possuem poucas vitórias em suas carreiras, mas vem de uma última temporada bem vitoriosa. Jörg, por exemplo, conseguiu apenas seu terceiro triunfo em Copa do Mundo, mas foi a vice-campeã olímpica em PyeongChang. Coratti, por sua vez, venceu pela segunda vez na carreira, mas foi o terceiro colocado na temporada passada - sua melhor posição no circuito. 


Jörg conseguiu a vitória na disputa feminina ao derrotar a russa Natalia Soboleva na bateria decisiva. A também alemã Cheyenne Loch conquistou o bronze ao vencer a italiana Nadya Ochner na rodada do terceiro lugar. 

Esta foi a terceira prova de Slalom Gigante na Copa do Mundo de Snowboard Paralelo. Nadya Ochner assumiu a primeira posição no ranking da disciplina com 1900 pontos. A tcheca Ester Ledecká, campeã olímpica, é a segunda com 1800. A atleta da Itália também assumiu a liderança no ranking geral na modalidade (que leva em conta também o Slalom) com 2050 pontos - Ledecká é a segunda com os mesmos 1800 pontos.


Na prova masculina, Coratti surpreendeu o suíço Nevin Galmarini, atual campeão olímpico, ao vencer a bateria semifinal. Depois, ele derrotou seu compatriota Daniele Bagozza na final e conquistou o ouro. Rok Marguc, da Eslovênia, levou o bronze ao superar o representante da Suíça na prova do terceiro lugar.

O resultado não alterou o ranking masculino. Roland Fischnaller, da Itália, lidera a categoria do Slalom Gigante com 1810 pontos, contra 1590 de Galmarini. Já o austríaco Benjamin Karl é o primeiro colocado no ranking geral com 2120 pontos, apenas 80 a mais do que o atleta suíço. 

A Copa do Mundo de Snowboard Paralelo prossegue no próximo fim de semana, entre 26 e 27 de janeiro, em Moscou, na Rússia. É a última etapa da competição antes do Mundial de Snowboard, que acontecerá entre 31 de janeiro e 10 de fevereiro em Park City, nos Estados Unidos.

Edwin Coratti voltou a vencer na Copa do Mundo de Snowboard Paralelo (Miha Matavz/FIS)

Ester Ledecká abdica de Mundial de Snowboard para competir no Esqui Alpino

Responsável por uma das maiores façanhas dos Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang ao ganhar o ouro no Esqui Alpino e no Snowboard, a tcheca Ester Ledecká se viu em uma encruzilhada nesta temporada. Os Mundiais das duas modalidades. aconteceram no mesmo período e a atleta teve que escolher qual dos dois ela iria competir desta vez. 

A escolha foi surpreendente. Ledecká optou por competir no Esqui Alpino ao invés de buscar seu terceiro título mundial no snowboard paralelo. É uma decisão surpreendente porque, no Esqui Alpino, ela nunca conquistou um pódio em Copa do Mundo e, nesta temporada, seu melhor resultado foi o oitavo lugar no Downhill em Cortina d'Ampezzo, na Itália.

"Eu estava mais interessada em esquiar, só não tinha certeza sobre isso. Entretanto, como a temporada se desenvolveu, senti que foi uma boa decisão. Não posso explicar isso, apenas sinto. Gosto da colina em Are, por isso estou ansiosa e acho que conseguirei ter um bom resultado. Só depois vou voltar ao snowboard", comentou a atleta. 

Dessa forma, ela já abdicou da última etapa da Copa do Mundo em Rogla, nesse fim de semana. Ela pretende aperfeiçoar seus treinos e participar de provas de esqui alpino até o Mundial. Depois, retoma a disputa do snowboard e tenta conquistar o título da temporada novamente. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.