Marco Schwarz vence a primeira prova da carreira no Esqui Alpino

Marco Schwarz vence a primeira no Esqui Alpino (Reprodução)

O primeiro dia de 2019 trouxe um fato inédito para a disputa da Copa do Mundo de Esqui Alpino. O austríaco Marco Schwarz, 23 anos, conquistou sua primeira vitória da carreira no circuito internacional da modalidade. Ele venceu a prova Paralela no City Event realizado em Oslo, na Noruega, em 1º de janeiro de 2019. 

Schwarz já havia surpreendido ao conquistar a segunda posição no Slalom em Madonna di Campiglio, na Itália, em 22 de dezembro, e retornar ao pódio da Copa do Mundo após quase três anos. Agora, ele finalmente alcança o melhor resultado individual de sua carreira (na prova por equipes, ele foi medalhista de prata nos Jogos Olímpicos de PyeongChang). 

O representante da Áustria mostrou que vive em grande fase ao avançar até à final e derrotar o britânico Dave Ryding na bateria decisiva - é também o melhor resultado da história do Reino Unido em uma etapa do Esqui Alpino. A terceira posição foi do suíço Ramon Zenhaeusern, que venceu o sueco Andre Myhrer, campeão olímpico no Slalom, na disputa do terceiro lugar. 


Apesar do desempenho ruim em Oslo (foi apenas o sétimo colocado), o austríaco Marcel Hirscher segue tranquilo na liderança masculina da Copa do Mundo. Ele possui 656 pontos e tem mais de 200 pontos de vantagem sobre o vice-líder Max Franz, também da Áustria, que possui 408. 

Já entre as mulheres, a eslovaca Petra Vlhova se consolida como principal rival da norte-americana Mikaela Shiffrin nesta temporada. Na etapa em Oslo, a atleta conseguiu algo que poucos competidores atingiram nas últimas duas temporadas: derrotar Shiffrin em uma prova. De quebra, ainda conquistou sua primeira vitória na disciplina Paralelo.


A bateria decisiva reuniu justamente as duas competidoras em um excelente nível técnico. No fim, Vlhova levou a melhor e garantiu o ouro, deixando Shiffrin com a prata - a suíça Wendy Holdener ficou com o bronze ao derrotar a sueca Anna Larsson na disputa do terceiro lugar. 

Dessa forma, a vantagem de Mikaela Shiffrin na liderança feminina da Copa do Mundo de Esqui Alpino caiu mais um pouco. Agora, a norte-americana possui 1114 pontos, contra 668 de Petra Vlhova. Holdener assumiu a terceira posição com 454 pontos após a etapa da Noruega. 

A Copa do Mundo de Esqui Alpino segue para Zagreb, na Croácia, no primeiro fim de semana de janeiro. Homens e mulheres competem em uma corrida de slalom entre 5 e 6 de janeiro. Depois, a disputa feminina ainda terá mais uma prova desta disciplina em Flachau, na Áustria, em 8 de janeiro.

Petra Vlhova conseguiu derrotar Mikaela Shiffrin na bateria decisiva (Reprodução)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.