Suíços vencem abertura da Copa do Mundo de Esqui Livre Cross

Fanny Smith venceu primeira etapa da Copa do Mundo de Esqui Livre Cross (GEPA Pictures/Andreas Pranter)

Após duas etapas canceladas por conta de falta de neve nos alpes europeus, a Copa do Mundo de Esqui Livre Cross finalmente realizou suas primeiras provas nesta temporada. O resort de Arosa, na Suíça, organizou duas corridas entre 16 e 17 de dezembro e os atletas da casa aproveitaram para conquistarem as medalhas de ouro.

Fanny Smith entre as mulheres e Jonas Lenherr entre os homens foram os responsáveis por garantir a festa da torcida presente nas arquibancadas. Eles também deram um passo importante para conquistarem o título do FIS Cross Alps Tour, torneio que engloba as corridas realizadas na região dos Alpes, na Europa. 

Fanny Smith, bronze em PyeongChang e campeã mundial em 2013, conseguiu vencer a última bateria e conquistou sua 14ª vitória na carreira. A sueca Sandra Näslund, campeã mundial em 2017 e da Copa do Mundo em 2018, foi a segunda colocada. Já Marielle Thompson, campeã olímpica em 2014, foi a terceira colocada. 

"Quando cruzei a linha de chegada, a primeira coisa que pensei é que foi uma corrida divertida. É a típica corrida que gosto, com todas as garotas chegando juntas na final. Eu tinha certeza que a Sandra tinha cruzado em primeira, mas quando vi o resultado, só pude pensar que loucura", comemorou a campeã.


Já Jonas Lenherr, 29 anos, deixou o status de coadjuvante e conquistou sua terceira vitória na carreira, a primeira no início da temporada. Victor Norberg, atual campeão mundial, ficou com a medalha de prata na bateria decisiva. O também suíço Alex Fiva completou o pódio.

"É simplesmente fantástico. Eu tive boas largadas e rápidas baterias e, no fim do dia, estou no topo do pódio. E dividi-lo com meu grande amigo Alex Fiva, dando três pódios para a Suíça, é um bom começo de temporada", comentou Lenherr. 

A Copa do Mundo de Esqui Livre Cross retorna no próximo fim de semana, entre 20 e 22 de dezembro, em Innichen, na Itália. Serão duas corridas oficiais para cada gênero. O evento também encerra a disputa do FIS Cross Alps Tour nesta temporada. Depois disso, o esporte retorna apenas no fim de janeiro de 2019.

Jonas Lenherr vence entre os homens (GEPA Pictures/Andreas Pranter)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.