Campeões olímpicos abrem temporada com vitória no Moguls

Mikaël Kingsbury e Perrine Laffont no alto do pódio no Moguls (Reprodução)

A temporada 2018/2019 do Esqui Livre Moguls começou da mesma forma que terminou a disputa anterior. O canadense Mikaël Kingsbury e a francesa Perrine Laffont, atuais campeões olímpicos e da Copa do Mundo da modalidade, venceram a primeira etapa da competição, realizada em Ruka, na Finlândia, em 7 de dezembro.

Kingsbury, inclusive, segue dominando o circuito internacional de Moguls. Atual heptacampeão da Copa do Mundo, medalha de ouro nos Mundiais de 2013 e 2015 e campeão olímpico em PyeongChang, ele alcançou a 50ª vitória da carreira, recorde absoluto na modalidade. 

Em Ruka, o atleta do Canadá conseguiu 88.14 pontos em sua descida na final e conseguiu superar o francês Benjamin Cavet, segundo com 86.45, e o sueco Walter Wallberg, terceiro com 82.38. "Eu vi Benjamin conseguiu 86 pontos e sabia que precisava fazer uma prova limpa. Consegui fazer minha melhor volta, sem erros e estou feliz de atingir o topo", comentou o campeão.


Já Perrine Laffont alcançou apenas a sua sexta vitória na Copa do Mundo de Moguls. Contudo, aos 20 anos, ela já trilha uma carreira de sucesso na modalidade. Em 2017, logo em sua primeira temporada na categoria adulta, foi campeã mundial dual moguls. No ano seguinte, conquistou a Copa do Mundo e brilhou em PyeongChang. 

Já na primeira etapa desta temporada, sobrou na disputa e foi a primeira colocada com 82.26 pontos. A cazaque Yulia Galysheva, bronze na última edição dos Jogos Olímpicos, foi a segunda com 81.48 pontos. Já a norte-americana Tess Johnson completou o pódio com 75.85. "É uma ótima forma de começar a temporada e já estou olhando para a próxima competição", confirmou a francesa. 

A Copa do Mundo de Esqui Livre Moguls segue para Thaiwoo, na China, entre 15 e 16 de dezembro. É a última competição da modalidade em 2018. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.