Guiana desiste e Brasil vai disputar repescagem mundial no Curling

Equipe brasileira, no fim, vai participar da repescagem mundial de Curling (Reprodução)

Um dia depois de perder para Guiana, terminar na terceira posição do America's Challenge de Curling e ficar sem a vaga na repescagem do Mundial, a sorte da seleção brasileira masculina mudou. A equipe guianesa, legítima dona desta classificação, comunicou que não irá disputar o evento classificatório em janeiro de 2019, na Nova Zelândia. 

Dessa forma, o Brasil herda a posição destinada ao continente americano na repescagem, que também contará com equipes da Europa e Ásia. O Canadá, por ser o melhor país ranqueado da região, e os Estados Unidos, vencedores da disputa continental no último fim de semana, já estão garantidos no Mundial masculino de 2019. 

O motivo da desistência de Guiana é financeiro. O país é um dos membros mais novos da WCF, com filiação apenas em 2016. Logo, a federação local ainda não é tão estruturada e os jogadores sofrem para encontrar patrocinadores. Atualmente, são três jogadores que moram no Canadá e um que reside nos Estados Unidos.

Assim, a viagem à Nova Zelândia provocaria um rombo nas contas dos jogadores e os afastariam mais um longo período de suas profissões (assim como os brasileiros, eles não vivem do Curling). Por conta disso, a decisão de não ir à repescagem foi tomada antes mesmo da disputa do America's Challenge, nos Estados Unidos. 

O Brasil Zero Grau entrou em contato com Rayad Hussain, skip da Guiana, que confirmou a história. "Como não temos fundos, é muito dinheiro e tempo para apostar sem ter jogado mais juntos. Queremos ter certeza de que conseguiremos obter um bom resultado para gastarmos muito dinheiro e ficarmos longe de nossos trabalhos", explicou.

Agora, a CBDG vai se preparar para o grande desafio da temporada no curling. Entre os dias 18 e 23 de janeiro de 2019 acontece a repescagem dos mundiais de Curling em Naseby, na Nova Zelândia. O Brasil estará presente com a equipe masculina e feminina na disputa. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.