Em casa, russos dominam etapa da Copa do Mundo de Rollerski

Ilia Bezgin comemora vitória na última prova da etapa russa na Copa do Mundo (Flavio Becchis)

Após quase um mês de intervalo, a Copa do Mundo de Rollerski desta temporada voltou a organizar uma etapa. As disputas aconteceram em Khanty-Mansijskim, na Rússia, entre 31 de agosto e 2 de setembro. Foi a penúltima competição deste ano e os atletas russos, competindo em casa, não decepcionaram a torcida local. 

No total, o país europeu conquistou cinco dos seis ouros disponíveis na categoria adulta. Apenas o sueco Victor Gustafsson conseguiu quebrar essa hegemonia ao vencer os 16km em técnica livre com 26min59seg2 e 42.05 pontos FIS - Robin Norum, também da Suécia, ficou com a medalha de prata e Anton Shatagin, da Rússia, foi o terceiro.

Depois, o domínio russo foi constante. Ainda entre os homens, Dmitriy Voroni levou a melhor na prova de sprint em técnica livre, chegando à frente do italiano Emanuele Becchis, segundo, e do também russo Anton Yuriev, terceiro. Já nos 20km estilo livre e largada coletiva, a vitória foi de Ilia Bezgin com 35min36seg0 e 63.51 pontos FIS. Becchis e Ivan Anisimov, da Rússia, dividiram a segunda posição com 35min38seg8 e 67.18 pontos.

Entre as mulheres, três atletas russas venceram as provas realizadas. Svetlana Nikolaeva foi a mais rápida nos 12km em técnica livre com 22min14seg4 e 46.82 pontos FIS. Ela chegou à frente da tcheca Sandra Schuetzova, vice-campeã, e da sua compatriota Olga Mikhailova, terceira colocada.

No sprint livre a vitória foi de Olga Letucheva, com a italiana Lisa Bolzan na segunda e a eslovaca Alena Prochazkova na terceira posição. Já nos 15km em técnica livre e largada coletiva, Ulyana Gavrilova venceu com 25min41seg0 e 99.99 pontos FIS. Prochazkova foi a segunda colocada e Lisa Bolzan completou o pódio.

Mesmo com o domínio na etapa da Copa do Mundo de Rollerski, os competidores da Rússia não conseguiram desbancar os favoritos da liderança do ranking. Atual tricampeão do torneio, o sueco Robin Norum lidera a disputa masculina com 622 pontos, contra 553 de Viktor Gustafsson. Entre as mulheres, a atual campeã Alena Prochazkova é a primeira colocada com 687 pontos, mais de 200 à frente da sueca Jackline Lockner.

A última etapa desta temporada da Copa do Mundo de Rollerski acontecerá na Itália entre 13 e 16 de setembro, com quatro provas nas cidades de Trento-Monte Bondone e Val di Fiemme-Ziano. O jovem brasileiro Manex Silva, da equipe de esqui cross-country do país, deve participar de uma prova na categoria júnior - o que fará dele o primeiro representante do Brasil a participar da competição. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.