Gabriel Irlandini conquista melhor resultado da carreira no snowboard

Gabriel Irlandini (Reprodução) 

O jovem Gabriel Irlandini, 19 anos, foi o responsável por abrir a temporada de inverno para o snowboard brasileiro neste ano. Ele esteve presente nas duas provas de Slopestyle da Copa Sul-americana em La Parva, no Chile, entre 4 e 5 de agosto, e conseguiu conquistar o seu melhor resultado da carreira em eventos FIS.

Na primeira disputa, Gabriel conseguiu 35 pontos em sua apresentação e terminou na 17ª colocação, com 22.40 pontos FIS no ranking internacional. O vencedor foi o argentino Martin Jaureguialzo, com 92 pontos na final, seguido pelo chileno Iñaqui Irarrazaval, segundo, e o também argentino Federico Chiaradio de la Iglesia, terceiro. 

Depois, o atleta da CBDN melhorou seu desempenho ao terminar na 13ª colocação com 49 pontos em sua terceira descida, alcançando 32 pontos no ranking internacional - novo recorde pessoal na disciplina. Iñaqui Irarrazaval conseguiu a vitória em casa com 88.33 pontos. Os argentinos Federico Chiaradio de la Iglesia e Martin Jaureguialzo conquistaram a prata e o bronze, respectivamente. 

O Snowboard brasileiro passa por um período de renovação após a aposentadoria de Isabel Clark das competições internacionais nos Jogos Olímpicos de PyeongChang. Gabriel Irlandini é uma das apostas ao lado dos jovens Noah Bethonico e Augustinho Teixeira, jovens que devem estrear no circuito internacional na disputa do Campeonato Brasileiro de Snowboard Big Air em 11 de setembro em Corralco, no Chile. 

Mais resultados da Copa Sul-americana 

Além da disputa masculina, o fim de semana reservou a participação das mulheres no snowboard slopestyle e das provas de esqui livre. Na prancha feminina, a chilena Antonia Yanez aproveitou o fator casa e venceu as duas provas. Na primeira prova, sua compatriota Maria Teresa Banados foi a segunda e a argentina Maria Azul Chavez Martinez foi a terceira. Na segunda prova, as rivais inverteram as posições. 

Já no Esqui Livre Slopestyle, Dominique Ohaco, dona dos principais resultados do continente na última temporada, venceu a única prova feminina realizada - a outra foi cancelada. Já entre os homens, o argentino Mateo Bonacalza venceu as duas provas, com seu compatriota Rodrigo Cimorelli em segundo - os chilenos Karl Haller e José Bravo Moral conquistaram o bronze na primeira e segunda etapas. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.