ISU confirma 'constelação' no Grand Prix de Patinação Artística

Yuzuru Hanyu é uma das estrelas escaladas no Grand Prix (Reprodução)

Responsável por abrir a temporada dos esportes de inverno, o Grand Prix de Patinação Artística já confirmou as estrelas que irão disputar as seis etapas da competição na abertura do ciclo olímpico para os Jogos de 2022, em Pequim. A boa notícia para os fãs é que os principais nomes do esporte estão confirmados na disputa. 

O japonês Yuzuru Hanyu, bicampeão olímpico entre os homens, as russas Alina Zagitova e Evgenia Medvedeva, ouro e prata em PyeongChang, os franceses Gabriella Papadakis e Guillaume Cizeron, tricampeões mundiais na Dança no Gelo, e os chineses Wenjing Sui e Cong Han, vice-campeões olímpicos e campeões mundiais nos Pares, são algumas das estrelas. 

Além de nomes consagrados, a competição é o primeiro desafio de jovens promessas na categoria senior. Entre eles, os russos Alexey Erokhov no masculino, a dupla Daria Pavliuchenko e Denis Khodykin nos pares e o casal Anastasia Skoptcova e Kirill Aleshin na Dança no Gelo - todos campeões mundiais da categoria júnior em 2018. A também russa Polina Tsurskaya, campeã dos Jogos Olímpicos da Juventude de 2016, busca engrenar na categoria senior após sofrer com osteocondrite dissecante e hérnia de disco nas últimas duas temporadas. 

A determinação das vagas para as seis etapas do Grand Prix de Patinação Artística leva em conta o Mundial da modalidade realizado em março de 2018. Os seis primeiros colocados de cada uma das categorias são divididos em dois eventos cada. Os atletas que terminaram da sétima à 12ª posição também podem participar de duas provas. 

Já os competidores que estiveram entre as 24 melhores pontuações da temporada passada ou terminaram entre os 24 melhores no Mundial também são convidados. Assim como os medalhistas do Mundial Júnior e os campeões do Junior Grand Prix que já possuem a idade necessária para competirem na categoria senior

A brasileira Isadora Williams chegou a comentar na temporada passada que ela tinha um sonho de disputar o Grand Prix. Infelizmente, ela não atingiu os critérios de classificação. Até hoje, nenhum atleta brasileiro participou desta competição de patinação artística, que está abaixo apenas dos Jogos Olímpicos, Mundial e dos continentais (Four Continents e Europeu). 

A primeira etapa do Grand Prix será entre os dias 19 e 21 de outubro com a prova do Skate America em Everett, nos Estados Unidos. Neste ano, há uma mudança importante: o evento realizado na China dá lugar à prova em Helsinque, na Finlândia. A etapa final, com os melhores atletas, será em Vancouver, no Canadá, entre 6 e 9 de dezembro. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.