CBDN realiza curso de classificação funcional no Para Cross-Country

Aline Rocha e Cristian Ribera, representantes do Brasil nos Jogos Paralímpicos de 2018 (Divulgação)

A CBDN vai oferecer uma capacitação inédita no esporte brasileiro. A entidade brasileira, responsável pelos esportes de neve no país, organizará um curso de classificação funcional específica no cross-country paralímpico. O evento acontecerá entre os dias 26 e 28 de julho em São Carlos, no interior paulista. 

São apenas 10 vagas disponíveis. O curso terá coordenação dos classificadores do Comitê Paralímpico Internacional (IPC, na sigla inglesa) e é voltado, especialmente, aos profissionais das áreas de educação física, esporte, medicina e fisioterapia. É a primeira vez que o Brasil organiza uma atividade de classificação funcional de uma modalidade paralímpica de inverno.

Os interessados devem se inscrever até o dia 4 de julho. Dois dias depois, a CBDN vai divulgar os nomes dos contemplados por e-mail e, posteriormente, enviará de forma eletrônica o cronograma completo. As aulas serão ministradas em inglês e o participante deve ter, portanto, domínio do idioma para acompanhar todas as aulas.

Os custos com transporte, hospedagem e alimentação são de responsabilidade de cada um. Ao final dos três dias, ele receberá uma certificação de trainee em relação à classificação funcional no cross-country paralímpico - principal modalidade desenvolvida pelo país no programa paralímpico de inverno.

As atividades aconteceram no Departamento de Educação Física e Motricidade Humana da UFSCar, localizada à margem da Rodovia Washington Luiz. Parte delas também serão realizadas no Parque Ecoesportivo Damha, CT de endurance da CBDN e vizinho da universidade. Informações e dúvidas podem ser obtidas no e-mail felipe.marco@cbdn.org.br

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.