Brasil compete com seis times na Taça da Amizade de Eisstocksport

Edison Gassen é um dos novatos do time brasileiro na Taça da Amizade, no Paraguai (Josiléri Linke Cidade)

Após conquistar os melhores resultados da história no Mundial em fevereiro e registrar recorde de participantes nas duas primeiras etapas do Campeonato Gaúcho, o Eisstocksport brasileiro se prepara para o segundo desafio internacional da temporada. A Taça da Amizade, que reúne atletas do Brasil e do Paraguai, acontece neste fim de semana em Assunção, capital paraguaia. 

As partidas terminam neste sábado, dia 23 de junho, e um grupo de 35 atletas do país embarcaram para o país vizinho na última quarta-feira, dia 20. Os quatro clubes filiados à FGDE (Federação Gaúcha Desportiva de Eisstocksport) estão representados: Centro Cultural 25 de Julho, Associação Esportiva 15 de Agosto, Associação Esportiva e Cultural Linha Santa Cruz - Alt Pikade e o Centro de Cultura Alemã, de Lajeado. 

"Essa é uma viagem de competição tradicional para nós, tanto quanto a vinda dos paraguaios para o Torneio Internacional da Oktoberfest. E motivar os atletas para participar é sempre um desafio. Ter seis equipes brasileiras para disputar os jogos, uma delas formada apenas por jovens, é um feito a ser comemorado", comenta Sergio Böhm, presidente da entidade. 

Assim, torna-se na oportunidade perfeita para jovens e iniciantes no esporte ganharem experiência internacional para os próximos desafios e, claro, manter a evolução do Brasil nas principais competições. É o caso, por exemplo, de Edison Gassen, que começou a praticar o esporte a um um ano e viaja pela primeira vez para competir fora do país.  "Espero que possamos fazer uma boa viagem e que joguemos bem para voltar com títulos na mala", afirma. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.