Suíça surpreende e está na semifinal do Mundial de Hóquei no Gelo

Suíços comemoram vitória sobre a Finlândia e vaga à semifinal do Mundial de Hóquei no Gelo

Líder do Grupo B na primeira fase do Mundial de Hóquei no Gelo, a Finlândia era ampla favorita no confronto contra a Suíça nas quartas de final da competição. Mas no hóquei também acontecem surpresas e são os suíços que ficaram com a vaga à semifinal. Os confrontos eliminatórios aconteceram nessa quinta-feira, 17 de maio. 

A Suíça derrotou os finlandeses por 3 a 2, e de virada. Markus Nutivaara abriu o placar para o país escandinavo, mas Enzo Corvi, Joel Vermin e Gregory Hofmann viraram no segundo período. Mikko Rantanen até descontou na parte final do jogo, mas não foi suficiente para impedir a derrota e, consequentemente, a eliminação do campeonato. 

A vitória recoloca os suíços entre os quatro melhores países do Mundial de Hóquei no Gelo após cinco temporadas - em 2013, conquistaram a medalha de bronze, última vez que uma nação fora do "Big Six" subiu ao pódio. A expectativa é ver se conseguem repetir a dose nessa temporada. 

Na semifinal, o país europeu irá enfrentar o Canadá, que fez uma partida duríssima contra a Rússia nas quartas de final e venceu por 5 a 4 no overtime. Ryan O'Reilly fez o gol da vitória aos 4min57seg da prorrogação. No tempo normal, Colton Parayko, Ryan Nugent-Hopkins, Kyle Turris e Pierre Luc-Debois fizeram os gols canadenses, enquanto que Ilya Mikheyev, Alexander Barabanov, Sergei Andronov e Artyom Anisimov empataram para a Rússia. 


Na outra parte da chave, a Suécia, atual campeã mundial e dona da melhor campanha da primeira fase, derrotou a Letônia por 3 a 2. Filip Forsberg, Viktor Arvidsson e Oliver Ekman-Larsson fizeram os gols suecos - Teodors Blugers e Rudolfs Balcers descontaram para os letões. 

Agora, os vencedores enfrentam os Estados Unidos, que eliminaram a República Tcheca também por 3 a 2. Patrick Kane e Cam Atkinson fizeram os dois primeiros gols norte-americanos na partida. Quando todos imaginavam uma goleada, Michal Repik e Martin Necas empataram para os tchecos. Mas Kane, candidato à MVP, fez o terceiro gol e garantiu seu país entre os quatro melhores. 

Tanto que o capitão dos Estados Unidos lidera o ranking individual com 19 pontos, um a mais do que o finlandês Sebastian Aho, que não jogará mais o torneio. Ele também é o líder das assistências ao lado do canadense Connor McDavid com cada um fazendo 11 passes para gol. Aho, por sua vez, segue como artilheiro com nove gols marcados. 

O Mundial de Hóquei no Gelo retorna no sábado, 19 de maio, para a disputa das duas partidas semifinais. Às 10h15 (horário de Brasília) jogam Suécia x Estados Unidos. Depois, às 14h15, se enfrentam Canadá x Suíça. A decisão e a partida do bronze acontecem no domingo, dia 20. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.