Suécia e Rússia estreiam com vitória no Mundial de Hóquei no Gelo

Foi um verdadeiro bombardeio russo na defesa francesa (Reprodução)

Dois dos principais favoritos ao título resolveram mostrar suas forças logo na primeira rodada do Mundial Masculino de Hóquei no Gelo desta temporada. Suécia e Rússia não tomaram conhecimento e atropelaram Belarus e França nessa sexta-feira, 4 de maio. A competição, que encerra a temporada de inverno, acontece na Dinamarca. 

Atuais campeões, os suecos enfrentaram a seleção de Belarus, recém-promovida à elite do Mundial, e venceram por 5 a 0. Lias Andersson e Gustav Nyquist fizeram dois gols em trinta segundos no primeiro período, Mattias Janmark e Rickard Rakell ampliaram no segundo período e Mika Zibanejad fechou o placar na última parte do jogo. 


Os russos, campeões olímpicos em PyeongChang, fizeram um placar ainda mais elevado e venceram os franceses por 7 a 0. Kirill Kaprizov, Pavel Buchnevich e Yevgeni Dadonov fizeram três gols no primeiro período. Kaprizov fez mais um no segundo período, enquanto que Alexander Barabanov, Maxim Shalunov e Artyom Anisimov concluíram a goleada antes do fim da partida. 

Com os dois resultados, Rússia e Suécia já dividem a primeira posição do Grupo A com três pontos cada - o que deve seguir até o fim da primeira fase. A equipe russa leva vantagem no saldo de gols. "Foi um jogo normal, nós fizemos alguns erros. Temos que melhorar jogo a jogo. Apesar disso, é bom começar com uma grande vitória", confidenciou Kirill Kaprizov.


No Grupo B, Canadá e Estados Unidos fizeram o jogo mais emocionante do primeiro dia do Mundial, com vitória dos norte-americanos por 5 a 4 no shootout. Os canadenses fizeram 2 a 0 com Pierre Luc-Debois e Ryan O'Reilly. Anders Lee, Dylan Larkin e Johnny Gaudreau viraram para os Estados Unidos ainda no segundo período.

Anthony Beauvillier voltou a empatar, mas Larkin recolocou os norte-americanos em vantagem - até Colton Parayko empatar mais uma vez. Após igualdade no overtime, a partida foi decidida no shootout. Cam Atkinson fez o gol da vitória e o goleiro Keith Kinkaid segurou o disparo de Jordan Eberle para sacramentar o triunfo.


Por fim, a Dinamarca também precisou do shootout para derrotar a Alemanha, vice-campeã olímpica, por 3 a 2. Jesper Jansen abriu o placar para os donos da casa, Leon Draisaitl empatou e Frederik Storm recolocou os dinamarqueses em vantagem no segundo período. Porém, com 10 minutos para o fim da partida, Yasin Ehliz empatou mais uma vez. Como a igualdade persistiu no overtime, o ponto extra foi decidido nos shootouts. Frans Nielsen fez o único gol da série. 

Com vitórias nos pênaltis, Dinamarca e Estados Unidos estão empatados na primeira posição do Grupo B com dois pontos cada - Canadá e Alemanha têm um graças ao empate obtido no tempo regulamentar. "Todo ano nós sonhamos em fazer algo grande, e este ano não é diferente", comentou Morten Madsen, da Dinamarca. 

O Mundial Masculino de Hóquei no Gelo prossegue neste sábado, 5 de maio, com mais seis partidas. Pelo Grupo A jogam Suíça x Áustria, Eslováquia x República Tcheca e França x Belarus. No Grupo B se enfrentam Noruega x Letônia, Finlândia x Coreia do Sul e Estados Unidos x Dinamarca. As partidas começam a partir das 7h15 no horário de Brasília. A classificação e a tabela estão disponíveis aqui.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.