Boletim Curling #24 - Suécia conquista título mundial masculino

Equipe da Suécia com o troféu de campeão mundial de 2018 (Richard Gray/WCF)

Dois dos melhores times de Curling da atualidade se enfrentaram novamente na decisão do Mundial Masculino desta temporada. A Suécia, comandada por Niklas Edin, e o Canadá, com a equipe Brad Gushue, repetiram a final de 2017 na edição deste ano em Las Vegas, nos Estados Unidos. Dessa vez, porém, os suecos levaram a melhor. 

A Suécia derrotou com inesperada facilidade o rival canadense na final realizada no domingo, 8 de abril. Após passar em branco nos dois primeiros ends, o país escandinavo conseguiu cinco pontos antes do intervalo, praticamente assegurando o título. Depois, bastou administrar o placar e vencer por 7 a 3. 

É o oitavo título mundial sueco, segundo maior vencedor do torneio (atrás justamente do Canadá, com 36 conquistas em 60 edições). É o terceiro troféu da equipe comandada por Niklas Edin, o que coloca o skip como um dos mais laureados desta década. Além deste ano, ele venceu o Mundial em 2013 e 2015, com dois bronzes (2011 e 2012) e uma prata (2017), além de duas medalhas olímpicas (bronze em 2014 e prata em 2018) e seis títulos europeus (2009, 2012, 2014, 2015, 2016 e 2017). 

A campanha da Suécia foi praticamente perfeita. O país terminou a primeira fase na liderança do torneio, com 11 vitórias e apenas uma derrota (para a Noruega). Depois, com a vaga assegurada diretamente na semifinal, precisou do extra end para derrotar a Coreia do Sul por 9 a 8. 


"Campeão mundial... soa fantástico para mim e nós temos alguns atletas que nunca tinham vencido antes - é incrível. Para a nossa equipe, voltar ao topo após perder os Jogos Olímpicos e a final do último ano é demais", comentou o campeão.

Para o canadense Brad Gushue, era a chance de repetir o feito do seu compatriota Randy Ferbey, último skip bicampeão mundial. Campeão olímpico em 2006, o atleta do Canadá vive grande fase, sendo o atual bicampeão do Brier, foi campeão mundial em 2017 e venceu dois dos cinco torneios do Grand Slam de Curling desta temporada. 

A medalha de bronze ficou com a Escócia, liderada pela primeira pelo jovem Bruce Moaut. O time, segundo colocado na fase de classificação, perdeu na semifinal para o Canadá por 9 a 5, mas derrotou a Coreia do Sul por 11 a 4 na disputa pelo terceiro lugar. A Noruega terminou na quinta posição e os Estados Unidos, que se recuperaram na parte final da primeira fase, terminaram na sexta colocação. 

Com o fim do Mundial Masculino de Curling, a temporada está chegando ao fim. No próximo fim de semana, entre 12 e 15 de abril, acontece a penúltima competição do Grand Slam com o Player's Championship. Depois, entre 21 e 28 de abril, começa o Mundial de Duplas Mistas em Östersund, na Suécia. Aline Lima e Marcio Cerquinho representam o Brasil nesta competição. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.