Sueca de 15 anos conquista Copa do Mundo de Esqui Livre Slopestyle

Jennie-Lee Burmansson estreou e já conquistou a Copa do Mundo de Esqui Livre Slopestyle (Reprodução)

A sueca Jennie-Lee Burmansson, 15 anos, jamais irá esquecer esta temporada da Copa do Mundo de Esqui Livre Slopestyle. A jovem foi a campeã do torneio logo em seu primeiro ano na elite da modalidade e se tornou na atleta mais jovem da história a conquistar um Globo de Cristal. O título foi confirmado na penúltima etapa realizada em Silvaplana, na Suíça, no dia 3 de março.

Burmansson nem precisou vencer a prova para conquistar o título da temporada. A atleta da Suécia foi a terceira colocada com 79 pontos em sua apresentação, atrás apenas da francesa Tess Ledeux, vencedora com 89.60 pontos, e da norueguesa Johanne Killi, medalhista de prata. Killi, inclusive, foi a atleta mais velha no pódio com 20 anos e a média de idade das três primeiros foi de 17 anos!

Com o desempenho, a sueca chegou aos 409 pontos e não pode mais ser alcançada por Johanne Killi, vice-líder com 270 - Tess Ledeux assumiu a terceira posição com 236. O interessante é que Jennie Lee-Burmansson venceu apenas uma das seis provas realizadas, mas contou com a regularidade para conquistar o título: subiu ao pódio em cinco etapas. 


Na disputa masculina, o suíço Andri Ragettli, 19 anos, também está próximo de conquistar o título da Copa do Mundo de Esqui Livre Slopestyle. Em Silvaplana, ele ficou com a prata ao obter 89.20 pontos em sua melhor descida. O vencedor foi o norte-americano Alex Hall, que alcançou 92 pontos para conquistar sua primeira vitória no circuito internacional - Ferdinand Dahl, da Noruega, foi o terceiro. 

Com o resultado, Ragettli possui 340 pontos e precisa apenas de nove pontos na última etapa para conquistar o seu segundo Globo de Cristal da modalidade - foi o campeão na temporada 2016. Ferdinand Dahl assumiu a vice-liderança com 248 pontos e o sueco Oscar Wester é o terceiro com 232. 

A última etapa da Copa do Mundo de Esqui Livre Slopestyle vai acontecer em Seiseralm, na Itália, em 16 de março. Ainda neste mês também terá a definição do Halfpipe e do Big Air. 

Andri Ragettli está próximo do segundo título da Copa do Mundo de Esqui Livre Slopestyle (Roman Lachner)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.