Campeões olímpicos, Ledecká e Galmarini vencem o Snowboard Paralelo

Ester Ledecká conquista tricampeonato da Copa do Mundo de Snowboard Paralelo (Miha Matavz)

Campeões olímpicos em PyeongChang, a tcheca Ester Ledecká e o suíço Nevin Galmarini mostraram que a boa fase continua após a disputa na Coreia do Sul. Os dois confirmaram o título da Copa do Mundo de Snowboard Paralelo após duas provas realizadas nos dias 3 e 10 de março em Kayseri, na Turquia, e Scuol, na Suíça. 

Ledecká, particularmente, já pode ser considerada uma das maiores atletas de inverno da história. Na Coreia do Sul, por exemplo, ela se transformou na primeira mulher a conquistar dois ouros em esportes diferentes em uma mesma Olimpíada (também venceu o Super G no esqui alpino). Agora, ela conseguiu o tricampeonato da Copa do Mundo de Snowboard Paralelo

O feito, aliás, veio em grande estilo. Em Kayseri, ela ficou com a prata e só perdeu para a russa Milena Bykova na última bateria - Daniela Ulbing, da Áustria, completou o pódio. Depois, em Scuol, ela foi dominante e venceu a russa Alena Zavarzina na decisão - Ladina Jenny, da Suíça, foi a terceira colocada. 

Dessa forma, ela atingiu 7250 pontos na categoria Slalom Gigante e 7540 na classificação geral (que leva em conta também as provas de Slalom). Como resta apenas uma prova de Slalom para o fim da temporada, ela não pode mais ser alcançada pela alemã Ramona Hofmeister, vice-líder com 5130 pontos. 

Na disputa masculina, Nevin Galmarini nem precisou vencer para conquistar seu primeiro Globo de Cristal da carreira. Na primeira prova, ele foi apenas o 19º e viu o alemão Stefan Baumeister vencer, com Edwin Coratti, da Itália, em segundo e Tim Mastnak, da Eslovênia, em terceiro. Na corrida seguinte, o campeão olímpico ficou com a medalha de bronze, atrás apenas de Mastnak, ouro, e do polonês Oskar Kwiatkowski, prata. 

Mesmo assim, Nevin Galmarini chegou aos 5530 pontos no Slalom Gigante e 6250 na classificação geral. O vice-líder é Edwin Coratti, que possui 4253 pontos. "Terminar no pódio na minha montanha é especial. Mas vencer meu primeiro título geral aqui é demais, palavras não conseguem descrever como estou feliz", comentou o suíço. 

Também resta uma prova para os homens antes do fim da temporada. Winterberg, na Alemanha, vai receber tanto a disputa masculina quanto a feminina no Slalom no próximo fim de semana, 17 e 18 de março. 

Nevin Galmarini foi campeão olímpico e conquistou seu primeiro título da Copa do Mundo (Miha Matavz)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.