Boletim Curling #22 - Canadá é campeão do Mundial feminino

Time de Jennifer Jones conquista o Mundial feminino de Curling (Jeffrey Au/WCF)

Após decepcionar nos Jogos Olímpicos de Inverno em PyeongChang, quando não conquistou medalha no masculino e no feminino, o Curling do Canadá está disposto a retomar sua hegemonia na modalidade. O primeiro passo foi dado na última semana, entre 17 e 25 de março, em casa, na cidade de North Bay. A equipe canadense feminina conquistou o título invicto do Mundial desta temporada. 

Esta é a segunda vitória consecutiva do Canadá no Mundial feminino de Curling - no ano passado o país foi campeão com Rachel Homan. As canadenses venceram 17 das 40 edições já realizadas e estiveram no pódio em 34 oportunidades. Já a equipe liderada por Jennifer Jones, presente em seu sexto Mundial, conquistou o troféu dez anos após seu primeiro triunfo. 

"Não consigo acreditar, ainda mais após fazer isso na frente dessa torcida - é inacreditável! Foi um ótimo jogo e houve boas jogadas de ambas as equipes. Fizemos um grande show para todos os fãs e nos divertimos bastante", comentou Jennifer Jones após a decisão realizada no domingo, dia 25. 

O título mundial foi conquistado de forma incontestável. Na primeira fase, por exemplo, o Canadá venceu os 12 jogos e terminou na primeira posição. Na semifinal conseguiu derrotar os Estados Unidos por 9 a 7 após marcar dois pontos no último end. Já na decisão, contra a Suécia de Anna Hasselborg, campeã olímpica em 2018, vitória de 7 a 6 no extra end

A medalha de bronze ficou com a Rússia, comandada por Victoria Moiseeva e com Anna Sidorova no banco, após derrotar as norte-americanas por 6 a 5 na disputa do terceiro lugar. A decepção ficou para a Coreia do Sul. Prata em PyeongChang e terceiro colocado na primeira fase, o país asiático não conseguiu vencer os Estados Unidos na classificatória e perdeu a vaga à semifinal. Já a República Tcheca conseguiu terminar pela primeira vez entre os seis melhores do Mundial feminino de Curling.

Uma semana após a disputa feminina, é a vez dos homens se prepararem para o Mundial de Curling desta temporada. A competição masculina começa no próximo sábado, 31 de março, em Las Vegas, nos Estados Unidos. Os donos da casa, atuais campeões olímpicos com John Shuster, serão representados pelo time de Greg Persinger. Outros favoritos são o Canadá, com Brad Gushue, campeão mundial em 2017, e a Suécia de Niklas Edin, prata em PyeongChang. 

World Curling Tour tem torneio de duplas mistas na Escócia 

Enquanto as mulheres competiam no Mundial, o World Curling Tour realizou apenas um torneio de duplas mistas no último fim de semana, entre 22 e 25 de março, em Dumfries, na Escócia. A dupla escocesa Jayne Stirling e Fraser Kingan conquistou o título do International Mixed Doubles Dumfries. Na final, eles derrotaram os suíços Michele Jäggi e Sven Michel. O bronze ficou com Gina Aitken e Duncan Menzies, também da Escócia. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.