Moioli e Vaultier ampliam hegemonia no Snowboard cross

Michela Moioli comemora mais uma vitória na temporada (Miha Matavz)

A italiana Michela Moioli e o francês Pierre Vaultier deram mais um passo rumo ao título desta temporada da Copa do Mundo de Snowboard cross. Os dois atletas foram os principais destaques das duas provas individuais realizadas em Feldberg, na Alemanha, entre 3 e 4 de fevereiro. Foram as últimas corridas antes dos Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang. 

A italiana Michela Moioli venceu nada menos do que as duas provas no fim de semana. Na primeira, realizada no sábado, dia 3, a atleta foi a campeã ao derrotar a canadense Zoe Bergermann, prata, e a francesa Julie Mabileau, bronze, na bateria decisiva. No dia seguinte, a atleta da Itália ganhou a última bateria e deixou as francesas Charlote Banks e Chloe Trespeuch na segunda e terceira posições, respectivamente. 

"Hoje a final foi difícil. Eu estava contra três fortes atletas da França e é muito legal, mas uma luta difícil. Eu tentei dar o meu melhor na largada. Nós ficamos próximas, então estou feliz de vencer novamente. É uma motivação a mais, sem dúvida, mas nos Jogos Olímpicos é uma corrida diferente. Vamos ver o que acontece", comentou a campeã. 

Com as duas vitórias, Michela Moioli possui 6630 pontos e consegue abrir mil pontos de vantagem sobre Chloe Trespeuch, vice-líder. A italiana busca o segundo Globo de Cristal da carreira. Antes, ela foi a campeã da temporada em 2016. 

Pierre Vaultier (calça vermelha) venceu a prova no photo-finish (Miha Matavz)

Entre os homens, o francês Pierre Vaultier ampliou sua vantagem na liderança. Na primeira corrida, ele foi o segundo colocado, atrás apenas do austríaco Julian Lueftner - Ken Vuagnoux, também da França, completou o pódio. No domingo, Vaultier se esticou e venceu a prova no photo-finish, derrotando o italiano Michele Godino, segundo, e o alemão Paul Berg, terceiro, na bateria decisiva. 

Com um ouro e uma prata na etapa realizada em Feldberg, Pierre Vaultier possui 6120 pontos no total e abre 1744 pontos sobre o australiano Alex Pullin, segundo colocado na Copa do Mundo de Snowboard cross. Como restam apenas três provas para o fim, ele está próximo de conquistar o sétimo Globo de Cristal na modalidade. 

A brasileira Isabel Clark deveria voltar às competições em Feldberg após se recuperar da lesão sofrida em dezembro. Contudo, após avaliações, a atleta e comissão técnica concluíram que a musculatura do pescoço ainda não estava na melhor forma e decidiram não participar das duas provas em Feldberg. O objetivo, claro, é se poupar para a disputa em PyeongChang. 


Agora, a Copa do Mundo de Snowboard cross dá uma pausa e retorna apenas em 2 e 3 de março em La Molina, na Espanha - restam apenas três provas para o fim da temporada. Já a disputa dos Jogos Olímpicos acontecerá entre 15 e 16 de fevereiro com as provas individuais. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.