Japonês encerra sequência de vitórias de Kingsbury no Moguls

Ikuma Horishima voltou a surpreender no Moguls (Freestyle Canada)

Principal surpresa do Mundial de Esqui Freestyle de 2017 ao conquistar duas medalhas de ouro no Moguls, o japonês Ikuma Horishima voltou a surpreender nesse fim de semana. Foi ele o responsável por encerrar a sequência de vitórias do canadense Mikaël Kingsbury na Copa do Mundo da modalidade. A prova aconteceu no sábado, 20 de janeiro, em Tremblant, no Canadá. 

Horishima conseguiu 93.88 pontos em sua descida na Super Final e deixou Mikaël Kingsbury na segunda posição com 93.27 pontos - Dmitriy Reikherd, do Cazaquistão, ficou na terceira posição. Mesmo com dois ouros no último Mundial, essa foi a primeira vitória do japonês na Copa do Mundo de Esqui Livre Moguls. De quebra, encerrou a sequência de doze triunfos consecutivos de Kingsbury na competição. 

"Eu queria igualar o esqui de Mikaël Kingsbury hoje e consegui fazer. Agora, antes dos Jogos Olímpicos, eu vou treinar mais e focar na vitória para buscar a medalha de ouro", comentou Ikuma Horishima.

O resultado, porém, pouco incomoda o atleta do Canadá na liderança do ranking masculino da Copa do Mundo de Esqui Livre Moguls. Kingsbury segue na primeira posição com 680 pontos, 260 a mais do que Dmitriy Reikherd, segundo colocado. Com uma combinação de resultados, ele pode conquistar o heptacampeonato logo na próxima etapa. 


Entre as mulheres, a canadense Justine Dufour-Lapointe, atual campeã olímpica, conquistou sua primeira vitória na temporada ao obter 87.43 pontos em sua descida. A também canadense Andi Naude terminou na segunda posição e a cazaque Yulia Galysheva completou o pódio. "Agora estou mais confiante para PyeongChang com essa vitória em casa e sabendo que posso ter um bom desempenho em qualquer pista", comentou a vencedora. 

O resultado acirrou a disputa feminina da Copa do Mundo de Esqui Livre Moguls. A norte-americana Jaelin Kauf segue na liderança com 436 pontos, mas a vantagem dela para a quarta colocada é de 104 pontos. A segunda posição é de Andi Naude com 385 pontos e Perrine Laffont, da França, é a terceira com 382. 

Essa foi a última competição do Moguls antes dos Jogos Olímpicos de PyeongChang, em fevereiro. A Copa do Mundo retorna em março para as últimas quatro provas da temporada. A próxima etapa será em Tazawako, no Japão, entre 3 e 4 de março.

Justine Dufour-Lapointe conseguiu a primeira vitória na temporada (Freestyle Canada) 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.