Mikaela Shiffrin já abre vantagem na Copa do Mundo de Esqui Alpino

Mikaela Shiffrin venceu a primeira prova de velocidade na carreira (Agence Zoom)

Atual campeã geral da Copa do Mundo de Esqui Alpino e candidata a estrela dos Jogos Olímpicos de PyeongChang, a norte-americana Mikaela Shiffrin já abriu vantagem na liderança do circuito feminino desta temporada. Especialista em provas técnicas, a jovem surpreendeu nas corridas de velocidade em Lake Louise, no Canadá, entre 1º e 3 de dezembro. 

Mikaela Shiffrin conquistou sua primeira vitória na carreira em provas de Downhill ao completar a descida realizada no sábado, dia 2, em 1min27seg55 - a alemã Viktoria Rebensburg ficou com a prata e a suíça Michelle Gisin completou o pódio. 


A norte-americana ainda conquistou o bronze na primeira corrida de Downhill, na sexta-feira, com o tempo de 1min48seg83 - Cornelia Huetter, da Áustria, foi a campeã com 1min48seg53 e Tina Weirather, de Liechtenstein, ficou com a prata. Para fechar o fim de semana na etapa canadense da Copa do Mundo de Esqui Alpino, Weirather venceu o Super G com 1min18seg52, à frente da suíça Lara Gut, segunda, e Nicole Schmidhofer, da Áustria, completou o pódio. 

O bom desempenho em provas das quais não é especialista consagra o ótimo início de temporada de Shiffrin. Uma semana antes, em Killington, nos Estados Unidos, ela conquistou o ouro no Slalom e foi prata no Slalom Gigante, atrás apenas da alemã Rebensburg. Assim, a norte-americana já possui 510 pontos, mais de 160 pontos de vantagem sobre a atleta da Alemanha. A próxima etapa feminina acontece neste fim de semana, entre 8 e 10 de dezembro, em St. Moritz, na Suíça, com provas de Super G e Combinado

Disputa masculina segue equilibrada

Se entre as mulheres uma atleta já dispara na liderança, entre os homens o equilíbrio reina na Copa do Mundo de Esqui Alpino. Cinco atletas diferentes venceram as últimas provas masculinas e apenas 41 pontos separam o líder da competição do terceiro colocado neste início de temporada. 

Kjetil Jansrud, da Noruega, venceu o Super G em Lake Louise, no Canadá, no dia 25 de novembro, e é o primeiro colocado do ranking com 249 pontos. Seu compatriota Aksel Lund Svindal, recuperado de uma grave lesão, conquistou o Downhill em Beaver Creek, nos Estados Unidos, no dia 2 de dezembro e é o vice-líder com 245. 

A terceira posição é do suíço Beat Feuz, que tem 208 pontos e foi o vencedor na corrida de Downhill em Lake Louise no dia 26 de novembro. Já o austríaco Vincent Kriechmayr foi o mais rápido no Super G em Beaver Creek e Marcel Hirscher, também da Áustria, mostrou que está recuperado de lesão e venceu o slalom gigante em solo norte-americano. 

O equilíbrio deve permanecer na próxima etapa masculina da Copa do Mundo de Esqui Alpino. Os atletas embarcam para Val d'Isere, na França, entre 9 e 10 de dezembro para uma prova de Slalom e outra de Slalom Gigante. Especialistas em provas de velocidade, os líderes Kjetil Jansrud e Aksel Svindal não devem competir.

Kjetil Jansrud (Agence Zoom)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.