Kubacki vence e reassume liderança no Grand Prix de Esqui Saltos

Dawid Kubacki (esquerda) comemora vitória na penúltima etapa (Divulgação/FIS)

Vencedor das três primeiras etapas do Grand Prix de Esqui Saltos, o polonês Dawid Kubacki ficou ausente das últimas quatro provas e parecia que perderia o título geral da competição nesta temporada. Ledo engano. O atleta retornou com vitória na disputa realizada em Hinzenbach, na Áustria, no último domingo, 1º de outubro. 

Terceiro colocado na qualificatória, realizada no sábado, Kubacki conseguiu 251.9 pontos na somatória de seus dois saltos na montanha HS 90. Piotr Zyla, também da Polônia, ficou com a segunda posição ao somar 246.3 pontos. Já o tcheco Roman Koudelka completou o pódio com 246. 

"Mostrei um grande desempenho hoje. A montanha estava boa, mas realmente você precisa estar bem para conseguir saltar longe aqui. É difícil ir longe se você cometer um erro. Eu cometi algumas falhas, mas consegui improvisar", comentou o vencedor da prova. 

Além de marcar um retorno em grande estilo, a vitória reconduziu o competidor polonês à liderança do Grand Prix de Esqui Saltos. Agora, ele possui 400 pontos com um desempenho perfeito: quatro vitórias nas quatro etapas que participou. O esloveno Anze Lanisek, que havia assumido a primeira posição na ausência de Kubacki, caiu para a segunda posição com 353. Já o japonês Junshiro Kobayashi é o terceiro com 332 e chances remotas de título. 

A última etapa do Grand Prix de Esqui Saltos acontece nesta terça-feira, 3 de outubro, em Klingenthal, na Alemanha, com montanha HS 140. Para não depender do desempenho de seus rivais, Dawid Kubacki precisa chegar entre os três primeiros para conquistar o título da competição. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.