Dupla do Brasil obtém primeiro índice para o Mundial Jr de patinação

Karolina e Michael começaram bem a disputa do Junior Grand Prix (Reprodução)

A estreia da dupla brasileira Karolina Calhoun e Michael Valdez na Dança no Gelo não poderia ter sido melhor. Nessa quinta-feira, 12 de outubro, eles participaram da Dança Curta na última etapa classificatória do Junior Grand Prix de patinação em Egna, na Itália, e já conquistaram o primeiro índice para o Mundial Júnior da modalidade, em março de 2018. 

Karolina e Michael terminaram sua apresentação na 13ª colocação com 38.19 pontos, sendo 22.77 nos elementos técnicos e 15.42 nos componentes do programa - o índice para o Mundial Júnior de patinação artística é 18 pontos nos elementos técnicos. No total, 18 duplas participaram deste primeiro dia e os russos Sofia Polishchuk e Alexander Vakhnov lideram com 61.44 pontos. 

Essa é a primeira competição de Karolina Calhoun e Michael Valdez na Dança no Gelo. Eles formaram a parceria em maio e, nos últimos meses, intensificaram os treinamentos para se entrosarem a tempo nesta temporada. No ano passado, ao lado de Logan Leonesio, a atleta brasileira participou de três torneios, mas não conseguiu garantir os dois índices necessários para o Mundial. 

Agora, com o índice da Dança Curta garantido, a dupla do Brasil participa da Dança Livre do Junior Grand Prix de patinação artística nesta sexta-feira, a partir das 14h30 no horário de Brasília. Para conquistar a vaga ao Mundial Júnior, Karolina e Michael precisam obter 28 pontos nos elementos técnicos da apresentação. A apresentação será transmitida AO VIVO aqui. Confira abaixo a participação dos brasileiros na Dança Curta:


Competição masculina

Ainda nessa quinta-feira aconteceu o programa curto masculino da etapa de Egna do Junior Grand Prix de patinação artística. O russo Vladimir Samoilov é o líder provisório ao conquistar 77.65 pontos em sua apresentação. Ele é seguido de perto pelo italiano Matteo Rizzo, que obteve 77.24 pontos - o norte-americano Tomoki Hiwatashi é o terceiro com 73.28. O argentino Mauro Calcagno, representante latino-americano, terminou na 27ª e última posição com 35.75. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.