Boletim Hóquei no Gelo #7 - Los Angeles Kings lidera NHL

Los Angeles Kings é a surpresa neste início da NHL (Reprodução)

Pouco cotado aos playoffs da NHL antes da abertura da temporada 2017/2018, o Los Angeles Kings é a grande surpresa após duas semanas de jogos na principal liga de hóquei no gelo do planeta. A franquia angelina lidera a competição com nove pontos em cinco partidas (quatro vitórias e apenas uma derrota no overtime). 

Na última semana, a equipe perdeu para o Calgary Flames por 4 a 3 no overtime, mas depois se recuperou e derrotou o Buffalo Sabres por 4 a 2 e o New York Islander por 3 a 2, assumindo a liderança. A força da equipe está na defesa: apenas nove gols sofridos, menos de dois por jogo, a melhor média dentre todas as 31 equipes da NHL até o momento. 

A Divisão do Pacífico, aliás, é a principal surpresa desta temporada até o momento. Além do Los Angeles Kings na liderança, o novato Vegas Golden Knights ocupa a segunda posição, com oito pontos em cinco jogos, e o Calgary Flames é o terceiro, também com oito pontos, mas em seis partidas. Apontados como favoritos, o Anaheim Ducks é o quarto e o Edmonton Oilers é o sexto. 

Ainda na Conferência Oeste, mas na Divisão Central, o Chicago Blackhawks também lidera com nove pontos, mas com seis jogos realizados (quatro vitórias e uma derrota no tempo normal e outro tropeço no overtime). O Colorado Avalanche é o segundo e o St. Louis Blues é o terceiro, ambos com oito pontos em seis jogos. Winnipeg Jets (4º) e Nashville Predators (5º) também estariam nos playoffs por conta do wild card

Já na Conferência Leste, a melhor franquia após duas semanas é o Toronto Maple Leafs, líder da Divisão Atlântico com oito pontos em cinco partidas. Tampa Bay Lightining e Detroit Red Wings, outra surpresa neste início de temporada, também possuem oito pontos ocupam a segunda e terceira posições da chave pelos critérios de desempate. 

Por fim, na Divisão Metropolitana, o New Jersey Devils tem oito pontos em cinco jogos e está na frente do Columbus Blue Jackets, segundo colocado, nos critérios de desempate. Com seis partidas, o Pittsburgh Penguins se recuperou após uma primeira semana ruim e já é o terceiro com sete pontos - Ottawa Senators e Washington Capitals ficariam com as duas vagas do wild card

A semana 3 da NHL começa nesta segunda-feira com apenas uma partida, mas que envolve a liderança da Divisão Atlântico. Tamba Bay Lightining e Detroit Red Wings se enfrentam hoje, a partir das 21h30 no horário de Brasília. 

Cai invencibilidade do SKA na KHL

Na mesma semana em que estabeleceu o recorde de 20 vitórias consecutivas, o SKA de São Petersburgo perdeu a invencibilidade na KHL - e em dose dupla. O time perdeu para o HC Sochi e para o AK Bars pelo mesmo placar (3 a 2) e ambas no overtime. Antes dessas derrotas, a equipe venceu o Salavat Yulaev por 4 a 2 e o Spartak Moscou por 4 a 0 na semana 8 da competição.

Contudo, os dois tropeços não tiraram a tranquilidade do SKA, líder geral e da Conferência Oeste com 62 pontos conquistados. Com cinco jogos a menos, o Jokerit é o segundo colocado da divisão com 47 pontos e, se vencer todos os jogos restantes no tempo normal, assume a primeira posição. O CSKA é o terceiro, com 43 pontos e quatro jogos a menos. Torpedo (4º), Lokomotiv Yaroslavl (5º), HC Sochi (6º), Dynamo Moscou (7º) e Severstal (8º) completam a lista de classificados. 

A Conferência Leste tem uma briga mais equilibrada. Com um jogo a menos do que seus rivais, o AK Bars é o líder isolado da divisão com 43 pontos. A partir daí, a diferença do segundo para o oitavo colocado é de apenas seis pontos. Com 38 pontos, o Avangard é o segundo colocado do Leste, seguido pelo Barys, com 37. Avtomobilist (4º), Neftekhimik (5º) e Metallurg (6º) possuem 36 pontos. Salavat Yulaev é o sétimo com 33 e o Kunlun Red Star completa a zona de classificação aos playoffs com 32 pontos. 

A semana 9 da KHL começa nessa segunda-feira, dia 16 de outubro, com mais sete partidas. O canadense-cazaque Nigel Dawes, do Barys, é o artilheiro desta temporada com a incrível marca de 18 gols em 18 partidas realizadas. Já o canadense Linden Vey, também do Barys, lidera a tabela de assistências com 20 passes para gol. 

Champions Hockey League define oitavas de final 

A última rodada da primeira fase da Champions Hockey League aconteceu entre os dias 10 e 11 de outubro e definiu os últimos classificados às oitavas de final da competição. O torneio  segue o mesmo regulamento do campeonato de futebol e, assim, contará com uma fase eliminatória disputada em duas partidas até a decisão. 

O primeiro jogo das oitavas acontece entre 31 de outubro e 1º de novembro. A partida de volta será no dia 7 de novembro. Atual bicampeão, o Frölunda, da Suécia, desponta como favorito ao título mais uma vez. A equipe é a única que permanece invicta após as seis partidas da primeira fase e liderou o Grupo H com 17 pontos em 18 possíveis. 

A Suécia, principal país que compõe a Champions Hockey League, tem quatro equipes na segunda fase: Frölunda HC, Växjö Lakers, Malmö Redhawks e Brynäs. A República Tcheca, com Kometa Brno, Oceláři Třinec e Bílí Tygři Liberec, e a Suíça, com o Lions, Zug e Berg, têm três representantes. Alemanha (Adler Mannheim e Red Bull Munique) e a Finlândia (Tappara e JYP) possuem dois clubes. Completam a lista o britânico Nottingham Panthers e o austríaco Red Bull Salzburgo.


Começa a temporada do Hóquei no Gelo Feminino

O último fim de semana, 14 e 15 de outubro, marcou o início da temporada do hóquei no gelo feminino. A Canadian Women's Hockey League (CWHL), torneio que reúne sete equipes (quatro do Canadá, um dos Estados Unidos e dois da China, que estreiam neste ano), teve quatro partidas realizadas na primeira rodada.

Atual campeão da competição, o Les Canadiennes Montreal já assumiu a liderança com duas vitórias em cima do Boston Blades: 5 a 2 no sábado e 5 a 3 no domingo. Já o Toronto Furies enfrentou o Markham Thunder e cada equipe obteve uma vitória: 1 a 0 para as meninas do Thunder no primeiro jogo e 2 a 1 para as de Toronto no dia seguinte. 

Essa temporada da CWHL já entrou para a história do hóquei feminino por ser a primeira vez que as mulheres irão receber salários após anos de luta. A competição prossegue no próximo fim de semana com mais quatro partidas e as estreias do Kunlun Red Star, da China, e do Calgary Inferno. 

Já a disputa da National's Women Hockey League (NWHL), que reúne quatro equipes norte-americanas, vai começar no dia 28 de outubro. Boston Pride, Buffalo Beauts, Connecticut Whale e Metropolitan Riveters disputam a terceira temporada da competição. Boston, em 2016, e Buffalo em 2017 são os dois campeões da Isobel Cup, nome dado ao troféu de campeão.

Les Canadiennes de Montreal começaram bem a caminhada do bicampeonato (Celine Belinas/Reprodução)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.