Com dez dias para o Nebelhorn, Isadora Williams intensifica preparação

Isadora Williams busca uma das seis vagas olímpicas disponíveis na patinação artística (Divulgação)

Daqui dez dias, a brasileira Isadora Williams vai encarar o principal desafio de seu ciclo olímpico. Entre os dias 27 e 30 de setembro, a atleta da CBDG estará na disputa do Troféu Nebelhorn em Oberstdorf, na Alemanha, para buscar uma das seis vagas restantes da patinação artística no gelo nos Jogos de Inverno de PyeongChang, em 2018. 

Da mesma forma que em 2013, a competição servirá de repescagem olímpica na patinação artística no gelo. Na disputa feminina, 36 atletas estão inscritas e apenas uma - a alemã Nathalie Weinzierl - não está na briga por uma cota nos Jogos Olímpicos.Dessa forma, na melhor das hipóteses, a brasileira precisa terminar entre as sete melhores na classificação final. 

Das 30 vagas disponíveis para as mulheres em PyeongChang, 24 foram definidas no último Mundial de patinação artística, realizado no início de abril. Rússia, Canadá e Estados Unidos garantiram três cotas. Japão, Itália, Cazaquistão e Coreia do Sul obtiveram duas vagas. Já China, Bélgica, Eslováquia, França, Alemanha, Hungria e Letônia já possuem uma vaga. 

A situação é idêntica à enfrentada pela Isadora Williams em 2013. Ela também chegou no Troféu Nebelhorn na luta por uma das seis vagas restantes nos Jogos Olímpicos de Sochi e, após um brilhante programa curto, ela terminou na 12ª colocação da classificação geral e conseguiu a última cota disponível. 

Agora, com quatro anos de experiência e madura em suas apresentações, Isadora pode ser considerada uma das favoritas às vagas. Não só pela experiência internacional, mas sobretudo pela ótima fase nas últimas duas temporadas. A média de pontos da atleta do Brasil nesse período, por exemplo, está entre as melhores de todas as inscritas no Troféu Nebelhorn. 

Além disso, Isadora Williams também intensificou os treinamentos nas últimas semanas. Após o bom desempenho no Philadelphia Summer International, no início de agosto, a jovem também participou do Hershey Open e do Moran Memorial, torneios menores que serviram de preparação e análise de suas apresentações. 

Além da disputa feminina, o Troféu Nebelhorn servirá de repescagem olímpica para os homens, pares e dança no gelo. O programa curto feminino será no sábado, às 8h15 no horário local (3h15 no horário de Brasília). Já o programa longo, que definirá as classificadas, começará às 12h25 na Alemanha (7h25 no Brasil). 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.