"Completo", Brasil conhece rivais no Pan-americano de hóquei no gelo

Brasil terá três times no Pan de hóquei no gelo (German Garcia/Imagendeportiva)

Na próxima segunda-feira, 5 de junho, o rink da arena Icedome, na Cidade do México, recebe as partidas da quarta edição do Campeonato Pan-americano de Hóquei no Gelo. A competição, que ainda busca se consolidar no continente, prossegue até o dia 11 de junho e vai contar com uma presença inédita do Brasil. 

Bronze em 2015 e quarto colocado na temporada passada (sempre entre os homens), o país terá nada menos do que três times no torneio deste ano. Pela primeira vez, a CBDG conseguiu reunir os atletas e formar dois grupos para a disputa masculina. Além disso, a empresa BR Hockey, responsável pela Liga Brasileira de Hóquei, montou um time feminino completo para participar do evento. 

Dessa forma, o Brasil iguala-se à Argentina e Colômbia em termos de representatividade na competição e fica atrás apenas do México - o país-sede também garantiu duas equipes entre as mulheres. Além disso, o Pan-americano de Hóquei no Gelo deste ano também tem a estreia do Chile entre os homens. 

Assim, a disputa masculina tem nove equipes, divididas em três grupos. Os campeões de cada chave e o melhor segundo colocado avançam para a segunda fase, realizada em turno único. Os dois melhores times avançam para a decisão, enquanto que o terceiro e quarto colocados se enfrentam na definição do bronze. 

Já na categoria feminina, as cinco equipes jogam entre si na primeira fase e as quatro melhores avançam para a semifinal. O primeiro colocado enfrenta o quarto e o segundo pega o terceiro. Os vencedores se enfrentam na final da competição, programada para acontecer no domingo, dia 11. 

Confira a lista de convocados para representar o Brasil no Pan-americano de Hóquei no Gelo:

Equipe A masculina: Allen Ruane, Andreas Mindell, Bruno Gomes, Daniel Leite Baptista, Daniel Hammerle, Daniel Vannuchi, Danilo Frugis, Gustavo Tecchio, Henrique Degani, João Reis Gonçalves, João Henrique Vasconcellos, Júlio Baptista, Leandro Graciano, Luis Roberto Custódio, Pedro Tonietto e Yan Graciano.

Equipe B masculina: André Monge de Oliveira, Celso Bellegarde, Conrado Ruther, Daniel Ritzmann, Fabio Asse Gonçalves, Gabriel Moura, Ksander Veschi, Leon Melamed, Leonardo Hermano Sobral, Luiz Alberto de Oliveira, Mauro de Souza, Michel de Souza, Paulo Ribas dos Santos, Paulo Ribas dos Santos Filho, Rafael Lindenberg, Renato Calzolari Pinto, Rodrigo Vieira, Ronald Calhau, Ruy Carlos Mendonça Lasmar, Stephane Gigon e Sudario Alonso.
Técnico: Jens Hinderlie

Equipe feminina: Ana Fernandes do Nascimento, Pollyana Lopes de Oliveira, Sonia Casanova, Natalia Jaguaribe de Faria, Tatianna Fusaro, Aline Carvalho Magalhães, Marcela Maria de Souza, Nancy Acuña, Ana Carolina Boghosian, Tallyta Kelly de Lima, Ana Carolina Lopes Romero, Camila Amaral da Silva e Keila Espindola de Souza.
Técnico: Pedro Raposo

Confira os grupos e os jogos do Brasil (os horários ainda não foram divulgados):
Masculino
Grupo A: Argentina B, Brasil B e Colômbia A
Grupo B: Argentina A, Chile e México A
Grupo C: Brasil A, Colômbia B e México B
5 de junho – Colômbia A x Brasil B
6 de junho – Argentina B x Brasil B
6 de junho – México B x Brasil A
7 de junho – Brasil A x Colômbia B
8 de junho – Início da segunda fase
11 de junho – Final
Feminino
Grupo único: México A e B, Argentina, Brasil e Colômbia. 
5 de junho – Brasil x Argentina
6 de junho – México A x Brasil
7 de junho – Colômbia x Brasil
8 de junho – México B x Brasil
11 de junho – Semifinais e finais

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.