CBDN conhece nova Comissão de Atletas para o próximo ciclo olímpico

Caio Moreira representa o esqui cross-country


No início desse mês, a CBDN conheceu o novo grupo que forma a Comissão de Atletas da entidade. Nove atletas e ex-atletas serão os responsáveis por defender os interesses dos competidores e reforçar sua posição perante a entidade máxima dos esportes de neve no Brasil. O novo mandato da Comissão estende-se até a metade de 2021. 

A nova Comissão de Atletas da CBDN é composta pelos seguintes nomes: Caio Moreira (esqui cross-country), Isabel Clark (snowboard), Guilherme Grahn (esqui alpino), Bruna Moura (biatlo), Bruno Monti (esqui livre) e Fernando Aranha (esporte paralímpico). Além disso, de acordo com o regulamento da comissão, a entidade indicou mais três nomes: André Cintra (esporte paralímpico), Leandro Lutz (esqui cross-country) e Mirella Arnhold (esqui alpino). 

O mandato da Comissão de Atletas da CBDN estende-se por quatro anos. Todos os atletas filiados à entidade possuem voto em suas respectivas modalidades. No total, os seis esportes sob a alçada da entidade tem representantes no órgão. Além disso, a própria confederação tem o direito de indicar outros três nomes. 

"A nossa confederação é pequena e geralmente solucionamos os problemas diretamente com eles, mas a Comissão de Atletas é uma ferramenta importante caso tenhamos a necessidade de utilizá-la. É importante ter uma boa comunicação, o atleta entender o funcionamento da confederação e a entidade escutar o feedback do atleta para melhorar sua gestão, facilitando um trabalho fluido e coordenado", pontuou Isabel Clark, presidente da Comissão de Atletas que encerrou seu mandato em abril. 

Essa é a segunda composição da história da Comissão de Atletas da CBDN, órgão que visa garantir a representatividade dos atletas e modalidades de neve que não possuem tanto apelo assim. Mesmo antes da medida ser uma exigência legal, a entidade foi pioneira ao estabelecer e adotar o mecanismo em 2013. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.