Canadá e EUA decidem, mais uma vez, Mundial feminino de hóquei

Canadenses comemoram gol na semifinal (Matt Zambonin/HHOF-IIHF Images)

As zebras até apareceram no início do Mundial feminino de hóquei no gelo, mas no fim a competição vai ser decidida mais uma vez entre Canadá e Estados Unidos. Os dois países se enfrentam na decisão do campeonato nesta sexta-feira, 7 de abril, na cidade norte-americana de Plymouth. 

Se somarmos as três principais competições femininas entre seleções (Jogos Olímpicos, Mundial e Mundial sub-18), esta é a 33ª final e a 32ª com o confronto entre canadenses e norte-americanas. Apenas nos Jogos Olímpicos de 2006, em Turim, as suecas surpreenderam e chegaram à decisão contra o Canadá.

Nesta temporada parecia que a zebra ia aparecer novamente. Na primeira fase, a Finlândia surpreendeu a equipe canadense e venceu por 4 a 3 - a primeira derrota do país para um time europeu na história do Mundial. Contudo, as duas seleções se encontraram na semifinal nesta quinta-feira, 6 de abril, e a realidade voltou à tona. 

Com uma atuação primorosa da goleira Shannon Szabados, que defendeu 23 chutes, as meninas do Canadá venceram por 4 a 0, com gols de Sarah Potomak, Marie-Philip Poulin, Rebecca Johnston e Emily Clark. "Nós estamos felizes em como jogamos e agora vamos nos preparar para a final", sentenciou Marie Poulin, capitã canadense.

Na outra semifinal, os Estados Unidos confirmaram o favoritismo e golearam a Alemanha por 11 a 0. Kendall Coyne, duas vezes, Megan Keller, Jocelyne Lamoureux-Davidson, Emily Pfalzer, Kelli Stack, Amanda Pelkey, Monique Lamoureux, Haley Skarupa, Alex Carpenter e Hilary Knight fizeram os gols da vitória. As donas da casa seguem imbatíveis, com quatro vitórias em quatro jogos, 25 gols marcados e apenas três sofridos. 

Ainda nesta quinta-feira, a Rússia venceu a Suécia por 4 a 3 no penalty shot e confirmou a quinta posição no Mundial feminino de Hóquei no Gelo. No play-off do rebaixamento, a Suíça derrotou a República Tcheca por 3 a 2 com um gol no overtime e empatou a série em 1 a 1. 

Os dois times se enfrentam novamente nesta sexta-feira e, quem perder, será rebaixado para a Divisão 1. Depois, às 15h35 no horário local (17h35 no horário de Brasília), acontece a decisão do bronze entre Alemanha e Finlândia. Por fim, a partir das 21h35 no Brasil acontece a grande final entre Canadá e Estados Unidos. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.