Esqui Livre Slopestyle define os campeões da temporada

Última etapa da Copa do Mundo de esqui slopestyle (Divulgação)

A Copa do Mundo de Esqui Livre Slopestyle chegou ao fim neste fim de semana e foi decidida nos detalhes. A maior diferença do campeão da temporada para o vice foi de apenas oito pontos! A última etapa foi realizada nesta sexta-feira, 3 de março, em Silvaplana, na Suíça. 

Entre os homens, o canadense Teal Harle venceu a prova derradeira da temporada com 92.80 pontos em sua apresentação, à frente dos norte-americanos Mcrae Williams, prata, e Gus Kenworthy, bronze. Essa segunda colocação, contudo, garantiu o Globo de Cristal para Williams, que chegou aos 180 pontos após quatro etapas - o suíço Andri Ragettli ficou com o vice-campeonato ao obter 172 pontos. 

No feminino o equilíbrio foi ainda maior. A britânica Isabel Atkin venceu a última prova com 88.40 pontos em sua apresentação, deixando a sueca Emma Dahlstrom em segunda e a suíça Mathilde Gremaud em terceira. Contudo, foi a também suíça Sarah Hoefflin que conquistou o Globo de Cristal. Ela obteve 281 pontos, apenas UM à frente da norueguesa Johanne Killi. 

A Copa do Mundo de Esqui Livre Park & Pipe prossegue neste mês de março com mais duas disciplinas. Amanhã acontece a última etapa do halfpipe. No dia 25 de março tem a definição da temporada na prova de Big Air, em Myrkdalen-Voss, na Noruega.

Aerials

A última prova da Copa do Mundo de Esqui Aerials da temporada aconteceu neste sábado, 4 de março, em Moscou, na Rússia. A chinesa Mengtao Xu conquistou o título entre as mulheres e garantiu o segundo triunfo para a China - na semana passada Guangpu Qi já havia conquistado o Globo de Cristal entre os homens. 

O título de Xu foi confirmado após o vice-campeonato na última etapa. Ela ficou atrás apenas da australiana Lydia Lassila, vencedora com 100.11 pontos - Laura Peel, também da Austrália, ficou com o bronze. Com Daniella Scott, sua principal rival, terminando apenas na quinta posição, Mengtao Xu chegou aos 480 pontos no ranking, contra 447 de Scott.

Entre os homens, o chinês Hang Zhou venceu a última etapa com 125.22 pontos. Maxim Gustik, de Belarus, foi o medalhista de prata e Maxim Burov, da Rússia, completou o pódio. Campeão antecipado, Qi sequer participou desta prova e terminou o ranking com 440 pontos - Mac Bohonnon, dos Estados Unidos, foi o vice-campeão.

Esqui Cross

Com a situação também definida, a Copa do Mundo de Esqui Cross também realizou sua última etapa neste domingo, 5 de março. As provas foram realizadas em Blue Mountain, no Canadá. Marielle Thompson, campeã da temporada e atleta da casa, se despediu com vitória - Sandra Naeslund, da Suécia, foi prata e Fanny Smith, da Suíça, foi bronze. No total, Thompson fechou o ranking com 965 pontos, contra 790 de Naeslund. 

No masculino, Brady Leman conquistou o segundo ouro canadense do fim de semana ao derrotar seu compatriota Christopher Delbosco, segundo colocado, e o esloveno Filip Flisar, terceiro. O resultado também garantiu o vice-campeonato na temporada para Leman. Com 721 pontos, ele ficou apenas 42 atrás do francês Jean Frederic Chapuis. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.