Isabel Clark e Lucas Rezende competem no snowboardcross

Isabel Clark em Solitude (Ivan Fuenzalida)

Pela primeira vez em muito tempo, o Brasil enviou dois atletas para a Copa do Mundo de Snowboardcross em Solitude, nos Estados Unidos, neste fim de semana. Isabel Clark e Lucas Rezende foram os representantes nacionais na disputa, mas eles não conquistaram os resultados que esperavam. 

Principal nome do país nos esportes de inverno, Isabel terminou na 23ª posição ao ser eliminada nas quartas de final da disputa, conquistando 80 pontos no ranking. Eva Samkova, da República Tcheca, foi a vencedora, à frente da italiana Michela Moioli, prata, e da norte-americana Lindsey Jacobellis, bronze. 

A brasileira já tinha enfrentado problemas na classificação, avançando com o 21º tempo conquistado na sua segunda descida. "Não fiquei satisfeita com o resultado da Copa do Mundo de Solitude. O tempo virou, deixando a pista super lenta e levei muita pancada nos flat landing. Me senti uma atleta de MMA", escreveu a atleta em sua página no Facebook.

Entre os homens a situação também foi ruim para Lucas Rezende. Com 1min22seg31 em sua primeira descida, o brasileiro ficou na 67ª posição da classificação e não avançou para as baterias decisivas e tampouco somou pontos para o ranking. A vitória ficou com o austríaco Alessandro Haemmerle - Omar Visintin, da Itália, foi o segundo e Alex Deibold, dos Estados Unidos, foi bronze. 

Ainda em Solitude aconteceu a disputa por equipe da Copa do Mundo de Snowboardcross. No feminino, a vitória ficou com a seleção norte-americana, composta por Lindsey Jacobellis e Rosina Mancari. Entre os homens, vitória da Itália com Luca Matteotti e Emanuel Perathoner. 

A etapa neste fim de semana colocou os vencedores na liderança da Copa do Mundo de Snowboardcross desta temporada. Eva Samkova chegou aos 1450 pontos e assumiu a primeira posição, apenas 50 pontos à frente da australiana Belle Brockhoff. No masculino, Omar Visintin tem 1600 pontos, contra 1290 de Hagen Kearney, dos Estados Unidos. 

Agora, os atletas tem duas semanas para acertar os treinamentos. A próxima etapa da competição acontecerá em Bansko, na Bulgária, entre 2 e 5 de fevereiro. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.