Brasil participa do Dream Program na Coreia do Sul

Equipe brasileira no Dream Program de 2017 (Divulgação/CBDG)

Os jovens patinadores Sophia Duchemin e Felipe Kubo, da CBDG, e esquiador cross-country Cláudio Gustavo, da CBDN, representaram o Brasil no Dream Program 2017, projeto criado pela Coreia do Sul para estimular o desenvolvimento de modalidades de inverno em países sem tradição nesses esportes. O evento aconteceu entre 9 e 21 de janeiro nas futuras instalações dos Jogos Olímpicos de Pyeongchang. 

Os três atletas participaram de workshops e atividades culturais nos últimos dias e competiram nos últimos dias do projeto. A delegação brasileira foi coordenada por Simone Pastusiak, treinadora de patinação artística no gelo e uma das primeiras brasileiras a representar o país em competições internacionais. 

Esta foi a segunda participação do Brasil no Dream Program. Em 2016, o país enviou os atletas Lucas Lima e Marcelo Ribeiro, do cross-country, e Amanda Kalluf, da patinação artística. Ela, inclusive, conquistou uma medalha de ouro na competição realizada durante o evento. 

Criado em 2004 pela Coreia do Sul, o Dream Program consolidou-se como o único programa mundial que promove modalidades de inverno em países com pouca tradição nesses esportes. Mais de 1700 atletas de 80 países já participaram do programa e 179 deles representaram suas nações em grandes competições internacionais. Neste ano, evento reuniu 170 jovens de 40 países.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.