Brasil encerra temporada nas duplas da Copa América de Bobsled

Edson Bindilatti e Edson Martins com a medalha no peito (Divulgação)

A equipe brasileira de bobsled encerrou na última segunda-feira, 23 de janeiro, sua participação em provas de duplas nesta temporada. O país esteve presente nas últimas duas etapas da categoria durante a Copa América realizada em Park City, nos Estados Unidos.

O resultado comprova a evolução do Brasil no bobsled mesmo em uma modalidade que tradicionalmente nunca foi a mais praticada por aqui. Na penúltima corrida, realizada em 20 de janeiro, Edson Bindilatti e Edson Martins ficaram na quarta posição com 1min53seg55 - o norte-americano Nick Cunningham venceu com 1min52seg07. 

O melhor, contudo, ainda estava por vir. No dia 23, Bindilatti e Martins retornaram à pista de Park City e conseguiram subir mais uma posição, conquistando a medalha de bronze na última corrida das duplas com o tempo total de 1min54seg52 - Cunningham venceu novamente 1min52seg92. 

Dessa forma, no ranking das duplas da Copa América desta temporada, o time brasileiro comandado por Edson Bindilatti terminou na quinta posição com 594 pontos em oito provas realizadas - posicionando-se na briga por uma vaga olímpica. Nick Cunningham, que até temporada passada era atleta de Copa do Mundo dos Estados Unidos, confirmou o favoritismo e venceu a temporada com 840 pontos. 

A partir desta quarta-feira, 25 de janeiro, o time brasileiro de bobsled busca o título do quarteto na Copa América. No total são três corridas em Park City: as duas primeiras, na quarta e quinta-feira, acontecem a partir das 19h (horário de Brasília). A última prova do ano vai ser na sexta-feira, às 17h. No ranking do 4-man na competição, o Brasil é o segundo colocado com 558 pontos, apenas 12 atrás de Nick Cunningham. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.