Copa do Mundo de Esqui Alpino começa com favoritos em alta

Lara Gut começou bem caminhada pelo bicampeonato (Divulgação/Agence Zoom)

A temporada de competições dos esportes de neve começou oficialmente neste fim de semana, entre os dias 22 e 23 de outubro. A cidade de Sölden, na Áustria, tradicionalmente abre a disputa com a prova de slalom gigante, válida pela Copa do Mundo de Esqui Alpino. 

Apesar de ser ainda a primeira disputa da temporada, alguns atletas já se posicionam como favoritos ao Globo de Cristal (troféu dado ao campeão geral da Copa do Mundo nas modalidades de neve). Os principais nomes do esqui alpino não deram chances para os rivais e se posicionaram nas primeiras colocações. 

Atual campeã entre as mulheres, a suíça Lara Gut começou muito bem a caminhada rumo ao bicampeonato. Ela venceu a prova com o tempo combinado de 2min23seg02. A norte-americana Mikaela Shiffrin, especialista nesta disciplina, foi a segunda colocada e a jovem italiana Marta Bassino foi a terceira, conquistando seu primeiro pódio na carreira. 

Entre os homens, o francês Alexis Pinturault, terceiro colocado na classificação geral na temporada passada, começou com vitória neste ano após obter o tempo de 2min14seg01. O austríaco Marcelo Hirscher, atual pentacampeão entre os homens, ficou com a medalha de prata e o alemão Felix Neureuther completou o pódio. 

O pontapé foi dado - ainda que em um ritmo devagar! A próxima prova válida pela Copa do Mundo de Esqui Alpino acontece em Ruka, na Finlândia, entre os dias 12 e 13 de novembro, com a disputa do slalom. 

Ausências

Apesar dos principais competidores de esqui alpino aparecerem nas primeiras posições, alguns nomes não participaram desta estreia e foram sentidos pelos torcedores presentes em Sölden. 

O principal desfalque foi da eslovena Tina Maze. Após tirar um ano sabático na temporada passada, a atleta campeã olímpica convocou uma entrevista coletiva e anunciou sua inesperada aposentadoria do circuito de esqui alpino. Ela planeja apenas disputar a etapa em Maribor, no seu país natal, e abandonar de vez o esporte. 

Outra atleta esperada em Sölden foi a austríaca Anna Fenninger (agora conhecida como Anna Veith após se casar com o ex-atleta Manuel Veith). Foi na etapa austríaca que ela sofreu uma grave lesão no joelho na temporada passada. Após um ano de recuperação, ela ainda sente dores e resolveu se poupar nesta primeira corrida. Além disso, boatos dão conta de que ela estaria grávida, o que também poderá afastá-la da reta final da Copa do Mundo de Esqui Alpino. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.