Com patinação e hóquei no gelo, São Paulo tem competição histórica

Simone Pastusiak foi uma das estrelas do Brasileiro Aberto de Patinação (Divulgação)

O Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, vivenciou um momento único neste último fim de semana. O local recebeu a disputa do Campeonato Brasileiro Aberto de Patinação Artística no Gelo, etapa SP, entre os dias 9 e 10 de setembro. O evento contou com a participação de aproximadamente 50 competidores de diferentes estados do país. 

Divididos em diferentes categorias de acordo com seu nível de habilidade, os atletas realizaram apresentações belíssimas. Simone Pastusiak e Rafael Braga foram os atletas com as maiores pontuações na etapa paulista. Os resultados completos podem ser obtidos neste link.

Além disso, todos os atletas e treinadores filiados à CBDG participaram de clínicas e workshops. Isadora Williams e Amanda Kalluf, integrantes da seleção nacional de patinação artística no gelo, a mexicana Nancy Garcia, juíza oficial da ISU, e os patinadores Cris e Edu Garcia, com anos de experiência em atrações internacionais na patinação, foram os palestrantes durante os três dias.

Agora, os competidores se preparam para a etapa RJ do Campeonato Brasileiro de Patinação Artística no Gelo. A competição está prevista para acontecer nos dias 8 e 9 de outubro, na capital fluminense. Maiores informações serão divulgadas pela CBDG em seus canais de comunicação.

Atividades de hóquei no gelo


Seleção de hóquei também se apresentou em São Paulo (Divulgação)

Não foram apenas os fãs de patinação artística no gelo que tiveram um fim de semana inesquecível. Os adeptos do hóquei no gelo também tiveram uma experiência única na pista de gelo montada no Ginásio do Ibirapuera.

No sábado, alguns atletas da seleção brasileira de hóquei fizeram uma partida exibição para apresentar a modalidade aos torcedores. Depois, no domingo, a equipe nacional participou de uma sessão de treinamentos com o técnico Jens Hinderlie e aconteceu uma clínica voltada para jovens de 10 a 14 anos que competem no hóquei inline. O objetivo era garantir a primeira experiência dos jovens no gelo.

Ações sociais marcam o evento


O Campeonato Brasileiro Aberto de Patinação Artística no Gelo também ficou marcado pelas realizações sociais. No sábado, 70 crianças tiveram a oportunidade de assistir as apresentações da competição graças à parceria entre a CBDG, a Federação Paulista de Hockey no Gelo e o IPACE (Instituto Pangea de Ação Cultural Esportiva). A entidade desenvolve projetos esportivos sobre patinação em rodas para jovens de baixa renda.


Além disso, a organização do evento, com apoio das atletas Amanda Kalluf e Isadora Williams, arrecadou alimentos para o Lar Zulmira, instituição beneficente que tem como objetivo abrigar crianças e adolescentes vítimas de abandono e maus tratos. A entrega será realizada na sede da entidade nesta sexta-feira, 16 de setembro. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.