Isabel Clark e Lucas Rezende se destacam no Brasileiro de Snowboard

Isabel Clark comemora mais uma vitória na carreira (Divulgação/CBDN)

Neste último fim de semana, entre os dias 23 e 25 de setembro, o resort chileno de Corralco recebeu alguns dos melhores riders da América do Sul. O local recebeu a disputa do Campeonato Brasileiro de Snowboard, válido também para a Copa Sul-americana da modalidade. 

No total, competidores de oito nacionalidades estiveram presentes no evento de snowboardcross. A experiente Isabel Clark novamente foi a principal destaque da delegação brasileira ao conquistar duas medalhas de ouro no torneio continental e ratificar o título brasileiro por mais uma temporada. 

Com 320 pontos FIS e 1000 pontos na classificação geral, Isabel só ficou atrás da argentina Catalina Petersen na Copa Sul-americana. A rival participou de outras duas provas em Bariloche e, por isso, conseguiu somar mais pontos do que a representante da CBDN.

"Tive um grande início que me proporcionou uma prova bem mais tranquila. Uma das minhas adversárias caiu pouco antes do final, o que foi uma pena pela bonita e competitiva prova que estava sendo. Mas o que valeu foi levar mais esse título brasileiro para casa e a vitória na etapa da Copa Sul-americana", afirmou Isabel após sua primeira medalha de ouro.

Entre os homens, o grande nome da equipe brasileira de snowboard foi Lucas Rezende. O atleta foi o melhor representante do país nas duas provas realizadas. Na primeira, ele ficou na nona posição da classificação geral (quinto sul-americano) e 46.60 pontos FIS. Depois, foi o sétimo (quarto sul-americano) e obteve 57.60 pontos FIS - a melhor marca de sua carreira. 

"Eu venho trabalhando há um tempo já para atingir esta marca de 50 ou mais pontos FIS. Finalmente chegou o momento. Minha meta pessoal era o sétimo lugar. Queria ter chegado à final, mas disputar a semi e ter cumprido esse objetivo foram grandes realizações hoje. Vou seguir trabalhando forte para quebrar minhas marcas e chegar ao circuito da Copa do Mundo", afirmou Lucas. 

Ele teve a companhia de outros dois brasileiros na Copa Sul-americana. Na primeira disputa, Marcelo Carrilho Gomes foi o segundo melhor atleta do país ao terminar na 23ª posição, seguido de perto por Carlos Eduardo "Dinho" Almeida. Na prova seguinte, as posições se inverteram. Dinho foi o 22º e Marcelo ficou em 23º. 

Campeonato Aberto 

Paralelo à disputa do Campeonato Brasileiro de Snowboard, atletas brasileiros amadores puderam participar da competição aberta. Nesta temporada, a CBDN organizou provas de snowboardcross, slalom gigante a air contest para todos os inscritos. Nomes como André Cintra, presente nos Jogos Paralímpicos de Sochi, estiveram entre os presentes. 

Os resultados completos podem ser vistos aqui e aqui. O principal nome da disputa aberta foi de Bruno Sales, atleta de sandboard e que venceu as três provas que competiu. "A melhor coisa do mundo é você sonhar e ver que o sonho virou realidade. Para mim estar aqui foi uma dificuldade enorme. Vou poder curtir com todos que me ajudaram para estar aqui, o pessoal da minha cidade, meus alunos que não paravam um minuto de mandar mensagem", comemorou o grande campeão. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.