Bobsled brasileiro conquista feito inédito no Mundial de Push

Equipe brasileira no alto do pódio (Divulgação/CBDG)

Os blue birds novamente fizeram história no esporte de inverno brasileiro. Pela primeira vez na história, o Brasil conquistou uma medalha em um Campeonato Mundial de uma modalidade olímpica de inverno. Uma não, duas! A seleção nacional conquistou dois bronzes no Mundial de Push de Bobsled em Mamaia, na Romênia, neste último fim de semana.

As conquistas aconteceram nas provas de 2-men (duplas) e 4-men (quarteto) e coroam a pré-temporada realizada pela seleção brasileira nas últimas semanas. Seis integrantes estiveram desde julho em Sheffield, na Inglaterra, e participaram de atividades ao lado das treinadoras Nicola Minichiello e Jo Manning.

A primeira medalha brasileira foi obtida pela dupla Odirlei Pessoni e Rafael Souza, que atingiu a marca de 16seg95 na somatória das três largadas - apenas um centésimo à frente do quarto colocado. Os tchecos Dominik Dvorak e Havlin Jakub foram os primerios colocados com 16seg71. 

No sábado, foi a vez do quarteto liderado por Edson Bindilatti repetir a terceira colocação e garantir um lugar no pódio. O conjunto brasileiro obteve o tempo de 16seg91 na somatória das largadas e ficou atrás apenas do time russo comandado por Alexey Stulnev, medalhista de ouro, e da equipe tcheca liderada por Dvorak, prata. 

Com duas medalhas históricas no peito, a seleção brasileira de bobsled encerra a pré-temporada com a moral em alta e podem sonhar voos maiores nas próximas competições. A partir de novembro começa a disputa da Copa América e da Copa do Mundo da modalidade. Neste ano, as provas já contam pontos para o ranking pré-olímpico. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.