Patinação Artística consagra bicampeões mundiais nos homens e nos pares

Javier Fernandez conquista o segundo ouro no Mundial (Dvulgação/ISU)

Um dia após o casal francês Gabrielle Papadakis e Guillaume Cizeron confirmar o bicampeonato mundial na dança no gelo da patinação artística no gelo, o espanhol Javier Fernandez também repetiu o feito. Com uma apresentação fantástica na noite desta sexta-feira, dia 1º de abril, ele ultrapassou o japonês Yuzuru Hanyu e conquistou o Mundial 2016 da modalidade. 

A medalha de ouro veio com um verdadeiro show no programa longo. O representante da Espanha conquistou nada menos do que 216.41 pontos (118.05 nos elementos técnicos e 98.36 nos componentes do programa). Dessa forma, ele conquistou 314.93 pontos na somatória dos dois dias, muito à frente dos 295.17 de Hanyu, que teve que se contentar com a medalha de prata. O chinês Boyang Jin também fez uma fantástica prova e terminou com o bronze. 

"Era o último programa da temporada. Eu não pensei o quanto era importante para mim ganhar o título. Apenas foquei salto a salto. Antes de entrar no rink, eu sabia que teria a chance de vencer, mas deveria fazer um programa limpo - e consegui", comemorou o bicampeão mundial. 

Para os fãs de patinação artística fica a certeza de grandes espetáculos quando Javier Fernandez e Yuzuru Hanyu estiverem competindo. Ambos estão dividindo os grandes títulos nos últimos dois anos: enquanto o espanhol conquistou o bicampeonato mundial, o japonês levou o Mundial de 2014 e a medalha de ouro olímpica em Sochi. 

Ainda na sexta-feira aconteceu o programa curto dos pares. Os chineses Wenjing Sui e Cong Han conseguiram 80.85 pontos (43.88 nos elementos técnicos e 36.97 nos componentes do programa) e lideraram o primeiro dia da categoria. Os canadenses Meagan Duhamel e Eric Radford, campeões mundiais em 2015, ficaram na segunda posição, com 78.18 pontos. Os russos Tatiana Volosozhar e Maxim Trankov, vencedores em 2013, foram os terceiros. 

No programa longo, porém, valeu a experiência de Duhamel e Radford. A dupla do Canadá conseguiu 153.81 pontos em sua apresentação (79.46 nos elementos técnicos e 74.35 nos componentes do programa) e conseguiu somar 231.99 pontos no total, confirmando o bicampeonato mundial nos pares. 

Os chineses Sui e Han ficaram com a prata e os alemães Aliona Savchenko e Bruno Massot completaram o pódio. Aliás, esta é a nona medalha de Savchenko nas últimas dez edições do Mundial de patinação artística - apenas em 2015 ela ficou ausente do pódio porque seu novo par, Massot, era francês e se envolveu em um imbróglio com a Federação de seu país antes de conseguir a liberação para competir pela Alemanha. 

Agora, as mulheres estão competindo no programa longo (a última prova desta temporada na patinação artística). O Sportv2 está transmitindo ao vivo. O Brasil Zero Grau irá trazer o relato completo da disputa feminina neste domingo!

Duhamel e Radford também são bicampeões mundiais (Divulgação/ISU)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.