Rússia organiza Mundial de distância simples da patinação de velocidade

Pavel Kulizhnikov ganhou dois ouros (Reprodução/Facebook)

Neste último fim de semana, entre 11 e 14 de fevereiro, a cidade de Kolomna, na Rússia, organizou o primeiro Mundial de Patinação de Velocidade nesta temporada. O Single Distances (distâncias simples) reuniu os principais atletas da modalidade em cada uma de suas provas. Confira os resultados:

500 metros - a sul-coreana Sang Hwa Lee ficou com o título mundial ao vencer as duas provas femininas e ter 74seg859 - a norte-americana Brittany Bowe foi prata e a chinesa Hong Zhang foi bronze. Entre os homens, o russo Pavel Kulizhnikov foi o grande campeão com 69seg026. Seu compatriota Ruslan Murashov foi o segundo colocado e o canadense Alex Boisvert-Lacroix completou o pódio.

1000 metros - Kulizhnikov ganhou mais um ouro nesta categoria com o tempo 1min08seg33, à frente do também russo Denis Yuskov, prata, e do holandês Kjeld Nuis, bronze. No feminino, a holandesa Jorien ter Mors sagrou-se campeã mundial com 1min14seg73 - as norte-americanas Heather Richardson e Brittany Bowe terminaram na segunda e terceira posições, respectivamente.

1500 metros - Jorien ter Mors conquistou seu segundo título nesta temporada com 1min53seg92, novamente à frente das duas atletas dos Estados Unidos. Entre os homens, Yuskov manteve a supremacia russa com 1min44seg13, com Kjeld Nuis conquistando a prata e o também holandês Thomas Krol em terceiro. 

3000 metros - este percurso é exclusivamente para as mulheres e a vencedora foi a tcheca Martina Sablikova, com 4min03seg05. As holandesas Ireen Wust e Antoinette de Jong terminaram com a prata e bronze, respectivamente. 

5000 metros - na disputa feminina, Sablikova conquistou o segundo ouro com 6min51seg09, novamente à frente de duas holandesas (Carien Kleibeuker foi a segunda e Irene Schouten a terceira). Entre os homens, o holandês Sven Kramer confirmou o favoritismo e levou o título com 6min10seg31. Seu compatriota Jorrit Bergsma foi prata e Sverre Pedersen, da Noruega, bronze. 

10000 metros - apenas os homens competem nesta distância e Sven Kramer conquistou seu segundo ouro com 12min56seg77, com Ted-Jan Bloemen, do Canadá, na segunda posição e Erik Jan Kooiman, da Holanda, em terceiro. 

Largada coletiva - o sul-coreano Seung-Hoon Lee venceu a disputa entre os homens, com 7min18seg26, deixando o holandês Arjan Stroetinga na segunda posição e o francês Alexis Contin em terceiro. Na corrida feminina, a vitória foi da canadense Ivanie Blondin, com 8min17seg53 - Bo-Reum Kim, da Coreia do Sul, foi prata e Miho Takagi, do Japão, bronze.

Perseguição por equipe - país mais tradicional na modalidade, a Holanda conquistou o título mundial nas duas provas por equipes. O time feminino fez 2min58seg12, à frente do Japão, prata, e Rússia, bronze. Entre os homens, o time holandês conseguiu o tempo de 3min40seg04, com a Noruega na segunda posição e o Canadá completando o pódio. 

Agora, os atletas de patinação de velocidade se preparam para o Mundial de Sprint, que acontece entre 27 e 28 de fevereiro em Seul, na Coreia do Sul. Em março, acontece o Mundial Allround e a última etapa da Copa do Mundo. 


Sablikova entre as holandesas: cena comum no feminino (Reprodução)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.