Marcel Hirscher volta a vencer na Copa do Mundo de Esqui Alpino

Na corrida que reuniu os 16 melhores atletas de slalom na Copa do Mundo de Esqui Alpino, Marcel Hirscher voltou a vencer e se aproxima do pentacampeonato da competição. O atleta da Áustria venceu a prova city event em Estocolmo, na Suécia, realizada nesta última terça-feira, dia 23. 

A etapa tem um formato diferente das demais: além de reunir apenas 16 atletas (os 12 melhores do slalom e os quatro melhores do ranking geral), a corrida é disputada em baterias de dois atletas, com o mais rápido avançando até a final.

Na bateria decisiva entre os homens, Hirscher derrotou o sueco Andre Myhrer, frustrando a torcida local. O italiano Stefano Gross conquistou o bronze ao vencer o russo Alexander Khoroshilov. No ranking, o austríaco segue firme na ponta com 1145 pontos. O norueguês Henrik Kristoffersen é o segundo, com 972. Aksel Lund Svindal, que não competirá mais na temporada por conta de uma lesão, ainda é o terceiro com 916.

Wendy Holdener vence sua primeira prova na Copa do Mundo (AgenceZoom)
No feminino, o ouro foi para a suíça Wendy Holdener, que conquistou sua primeira vitória em Copa do Mundo ao vencer Frida Hansdotter, atleta da casa, na última bateria. A também sueca Maria Pietilae-Holmner completou o pódio após derrotar a norueguesa Nina Loeseth na disputa do terceiro lugar. 

Porém, os resultados não alteraram o ranking feminino da Copa do Mundo de esqui alpino. Lindsey Vonn segue na liderança com 1215 pontos, apenas 23 acima da suíça Lara Gut, vice-líder. A alemã Viktoria Rebensburg é a terceira com 878. 

Restam apenas quatro etapas da competição nesta temporada. A próxima disputa será no próximo fim de semana, entre os dias 26 e 28 de fevereiro. As mulheres competem no Principado de Andorra em provas de Super G e Combinado. Já os homens participam de slalom gigante e Super G em Hinterstoder, na Áustria. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.