Guilherme Grahn compete em provas de esqui alpino na Suécia

Guilherme Grahn (Divulgação/CBDN)

O brasileiro Guilherme Grahn foi o único representante da equipe nacional de esqui alpino que encarou competições neste fim de semana. O jovem atleta competiu em duas provas de slalom e outra de slalom gigante na Suécia, onde mora com a família. Dessa vez, ele não teve um bom desempenho nos resultados. 

Na quinta-feira, dia 4 de fevereiro, Guilherme ficou na 30ª posição do slalom em Idre, com o tempo combinado de 1min33seg85 e 55.31 pontos FIS - um pouco acima de sua média nesta categoria. O vencedor foi o sueco Rickard Kaahre, com 1min28seg65 e 13.08 pontos FIS. 

Na sexta, em outra prova de slalom, o brasileiro não conseguiu completar a primeira descida e ficou de fora da classificação final - Gustav Lundbaeck, também da Suécia, venceu com 1min28seg87 e 16.68 pontos FIS. No sábado, pelo slalom gigante em Fjaetervaalen, mais uma vez ele não completou a primeira descida e não somou pontos para o ranking. Mattias Roenngren garantiu o terceiro ouro sueco com 2min17seg06 e 16.52 pontos FIS. 

Guilherme Grahn ainda competiria em uma prova de slalom gigante no domingo, novamente em Fjaetervaalen, mas resolveu desistir da inscrição em cima da hora. O jovem deve participar de outras provas de esqui alpino nos próximos meses. A meta, claro, é baixar ainda mais as suas notas. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.