Com presença brasileira, Mundial de Eisstocksport começa na Itália

Equipe brasileira na Cerimônia de Abertura (reprodução/Facebook)

Começou nesta quarta-feira, 24 de fevereiro, o 11º Mundial de Eisstocksport, tradicional esporte de gelo no centro europeu. O evento acontece no distrito de Ritten, na Itália, e termina no domingo, dia 28. O Brasil, que surpreendeu o mundo dois atrás ao conquistar uma medalha de prata, está presente com um time masculino e outro feminino para novamente fazer história.

No total, a delegação nacional conta com 14 atletas e estará presente tanto nas provas por equipe quanto nas individuais. A preparação para o Mundial começou ainda em 2015 no Rio Grande do Sul e se intensificou neste ano - há atletas que estão treinando na Europa nas últimas semanas. Tudo para se adaptar à pista de gelo (no país a modalidade e praticada sobre o cimento). 

Neste primeiro dia começou a disputa do individual por equipes - justamente a prova que garantiu a medalha de prata para o Brasil em 2014. Cada seleção terá duas passagens com quatro rodadas - cada atleta é responsável por uma rodada e deve fazer 12 arremessos para a somatória dos pontos. (Atualizando: na verdade, a disputa foi entre seleções - o individual por equipes é na sexta-feira. Nesta categoria, são seis rodadas e os pontos são marcados quando o stock fica perto do daube, o alvo)

O site oficial do evento é confuso e, para variar, ainda está em alemão, mas, pelo que entendi dos documentos oficiais, o Brasil conseguiu três vitórias em oito partidas (contra Austrália, Finlândia e República Tcheca) na fase preliminar entre as mulheres. O time ocupa a sétima posição, com a mesma campanha da Eslovênia, quinta colocada - a Alemanha lidera com 100% de aproveitamento. 

Já o time masculino não teve tanta sorte assim na abertura da competição. Dos dez duelos, os rapazes conseguiram um empate (contra Eslovênia) e dez derrotas, ocupando a 11ª - e última - colocação na fase preliminar. Com nove vitórias e um empate, a Alemanha também lidera entre os homens. 

O Mundial de Eisstocksport prossegue nesta semana. Além da disputa por equipe, acontece as provas individuais, previstas para acontecerem no sábado e domingo. 

Laura Pretzel (Reprodução/Facebook)

Juvenil

Na semana passada aconteceu a disputa do Mundial Juvenil de Eisstocksport. Como não conseguiu juntar dinheiro para enviar uma equipe completa, a delegação brasileira esteve representada pela atleta Laura Pretzel. A atleta tem 16 anos e competiu nas provas individuais. 

Na categoria sub-23, a jovem ficou na 18ª posição dentre as 27 competidoras com 170 pontos nas duas passagens (85+85). A vencedora foi Melanie Eder, com 617 pontos em quatro passagens. Laura também participou do sub-16 e foi a 24ª colocada na classificação geral com 148 pontos (78+70). No total, 40 jovens competiram e a vitória foi do alemão Kurt Burmberger, da Alemanha, com 602. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.