Em casa, canadenses dominam etapa do esqui livre moguls

Pódio de Calgary na Copa do Mundo de Moguls (FIS/Buchholz)

Em Val St. Come, na semana passada, a equipe canadense de esqui livre moguls já havia dominado o pódio masculino e feminino da Copa do Mundo da modalidade. Agora, neste último fim de semana, a história novamente se repetiu, com o Canadá conquistando cinco das seis medalhas disponíveis em Calgary. 

No feminino, mais uma vez o clã Dufour-Lapointe fez dobradinha, mas agora com posições invertidas. Chloe, a irmã do meio, venceu com 77.42 pontos, apenas 0.18 pontos à frente de Justine, a mais nova. A também canadense Andi Naude completou o pódio, com 74.11 pontos. 

Entre os homens, o canadense Mikael Kingsbury conquistou a terceira medalha dourada na Copa do Mundo de esqui livre moguls e manteve o 100% de aproveitamento nesta temporada. Ele obteve 81.63 pontos, à frente do seu compatriota Phillipe Marquis, medalhista de prata - o japonês Sho Endo foi o terceiro, com 75.34. 

No ranking feminino do moguls, Chloe assumiu a ponta da temporada com 240 pontos, contra 204 de sua irmã Justine - a norte-americana Mikaela Matthews está em terceira, com 145. Entre os homens, Kingsbury tem 300 pontos, contra 180 de Marquis e 166 de Benjamin Cavet. 

A Copa do Mundo de Esqui Livre prossegue no próximo fim de semana, entre 4 e 6 de fevereiro, no resort Deer Valley, nos Estados Unidos. O local abrigará etapas de moguls, dual moguls e aerials. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.