Alemães, mais uma vez, dominam o Mundial de Luge

Equipe alemã comemora mais um ouro (Reprodução/facebook)

A cidade alemã de Königssee realizou neste último fim de semana o Mundial 2016 de Luge e viu os atletas da casa demonstrarem, mais uma vez, a supremacia neste esporte. Das sete provas em disputa, os representantes da Alemanha simplesmente conquistaram seis medalhas de ouro.

O grande destaque foi Felix Loch. Completamente recuperado da má fase no início da temporada, ele conquistou três medalhas de ouro. Primeiro, ele venceu o individual masculino com 1min38seg864, à frente do seu compatriota Ralf Palik, prata, e do austríaco Wolfgang Kindl, bronze. 

Depois, no sprint, ele venceu e liderou o pódio alemão com 38seg574 - Andi Langenham foi o segundo e Palik completou o pódio. Por fim, Loch liderou a Alemanha na vitória do revezamento por equipes, com 2min44seg062. A Letônia conquistou a prata e o time canadense levou o bronze. 

Os alemães Tobias Wendl e Tobias Arlt também levaram três ouros. Além de participarem da corrida por equipes, eles conquistaram a prova de duplas com 1min38seg975 (à frente de Toni Eggert/Sascha Benecken, também da Alemanha, e dos italianos Christian Oberstolz e Patrick Gruber), e a prova de sprint, com 39seg261 - os austríacos Peter Penz e Georg Fischler ficaram na segunda posição e Oberstolz/Gruber ficaram em terceiro. 

No feminino, Natalie Geisenberger conquistou mais um ouro para a Alemanha ao completar o percurso individual em 1min40seg799, deixando a suíça Martina Kocher com a prata e a russa Tatiana Ivanova com o bronze. No sprint, porém, Kocher deu o troco e conseguiu a única medalha dourada não-alemã da competição. A suíça fez 39min451, à frente das alemãs Geisenberger, segunda, e Dajana Eitberger, terceira. 

Agora, os competidores de luge retomam a disputa da Copa do Mundo da modalidade. A antepenúltima etapa da competição acontece neste fim de semana, dias 6 e 7 de fevereiro, em Sochi, na Rússia. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.