CBDN vai levar apenas dois atletas nos Jogos da Juventude

Michel Macedo durante o Brasileiro: convocado (Divulgação/CBDN)

Na segunda-feira, dia 11, você viu com exclusividade no Brasil Zero Grau que a CBDN conquistou três vagas para os Jogos Olímpicos da Juventude de Inverno, que começará daqui um mês em Lillehammer, na Noruega. Entretanto, nesta quarta, dia 13, a entidade anunciou a convocação de dois competidores para o evento. 

Isso mesmo, dois. Michel Macedo, no esqui alpino, e Altair Firmino, no esqui cross-country, foram os escolhidos para representarem o Brasil nas modalidades de neve. Esta é a primeira vez, aliás, que o Brasil conquista a classificação para o esqui cross-country no evento. 

"Jogos da Juventude é um evento muito importante dentro do planejamento de longo prazo da CBDN, pois oferece um bom indicativo da evolução da performance em nível internacional. Estamos bastante satisfeitos com nossa classificação em 2016 e por acrescentarmos uma modalidade qualificada, o cross-country, que é parte do nosso planejamento", comentou Pedro Cavazzoni, CEO da CBDN, no release oficial. 

A terceira vaga seria de Lucas Alves no snowboardcross. Após participar do Mundial Júnior da modalidade na temporada passada, ele deixou o Brasil nas primeiras posições das realocações em todo o pré-olímpico. Na primeira lista após o encerramento do período de classificação, o país conseguiu entrar entre os 16 que garantiam vaga para os Jogos da Juventude. 

Logo após receber a convocação da CBDN por e-mail, questionei a assessoria de imprensa da entidade sobre a desistência da cota. "O Brasil tem a vaga, contudo, pelo planejamento e pelos atletas que poderiam disputar, declinou no momento", foi a resposta dada. 

A CBDN tem o direito de abdicar de uma vaga olímpica se entender que isso foge da estratégia traçada para o desenvolvimento de suas modalidades no futuro. Porém, neste caso, penso na cabeça do atleta, que lutou nas últimas duas temporadas para conquistar essa vaga e, no fim, não disputar a competição. É uma pena, realmente. 

Assim, o Brasil vai levar dez atletas no total, sendo os dois da CBDN e outros oito nas modalidades de gelo. Os Jogos Olímpicos da Juventude  começam no dia 12 de fevereiro e reúnem as principais promessas dos esportes de inverno. Esta é a segunda edição do evento: em 2012 o Brasil esteve presente com apenas dois atletas (Tobias Macedo e Eliza Nobre no esqui alpino). 

Confira os representantes brasileiros: 

  • Monobob: Marley Linhares (masculino) e Jéssica Victória (feminino)
  • Skeleton: Robert Barbosa (masculino) e Laura Nascimento (feminino)
  • Curling: uma equipe mista (Elian Rocha, Victor César Santos, Giovanna Barros e Raissa de Sousa Rodrigues)
  • Cross-country: Altair Firmino (masculino)
  • Esqui Alpino: Michel Macedo (masculino)

2 comentários:

  1. cara snow e a nossa praia !! a cbdn nao deveria abrir mao dessa vaga ,pois temos chances de medalha no snowborder- cross!! seria a primeira medalha do brasil em uma olimpiada de inverno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jean, obrigado pelo contato!
      Concordo que o snowboard é um dos esportes de inverno mais praticados do país, mas ainda está longe de uma medalha. Nos Jogos da Juventude a única chance remota é com Marley Linhares, no monobob!

      Excluir

Tecnologia do Blogger.