Na Áustria, brasileiros sobem ao pódio no cross-country

Leandro Lutz com seu troféu: um pão! (Reprodução/Facebook)

Com a temporada rolando solta na Europa, a equipe brasileira de esqui cross-country mais uma vez teve um fim de semana agitado. Agora, sete atletas da CBDN estiveram presentes em Ramsau, na Áustria, para a Vollmond Race (Corrida da Lua Cheia), que aconteceu na noite deste sábado, dia 23. 

Os competidores estiveram presentes em uma prova de 24km que não fez parte do calendário internacional da modalidade - portanto, o objetivo do time era se preparar e treinar. Mesmo assim, os brasileiros conquistaram nada menos do que seis medalhas em suas faixas etárias. 

No juvenil masculino, Altair Firmino e Lucas Martins foram os únicos representantes da categoria. Altair, convocado para representar o Brasil nos Jogos da Juventude de Inverno, completou o percurso em 1h21min37seg5, dois minutos à frente de Lucas. No Júnior masculino, Victor Santos foi o segundo, com 1h21min37seg9, e Vitor Melo conquistou o bronze com 1h23min44seg5 - Mario Wieser foi o vencedor com 1h20min05seg1. 

No adulto, Paulo Santos deve ter enfrentado problemas e foi apenas o oitavo, com 1h39min23seg3. Leandro Lutz foi o segundo da categoria altersklasse masculina, com 1h21min36seg8, onze minutos atrás do húngaro Karoly Gombos, e Mirlene Picin também conquistou a prata na mesma categoria entre as mulheres ao marcar 1h26min57seg3 - quatro minutos atrás de Sandra Kohlbrat, vencedora da disputa. 

O interessante é notarmos o tempo dos brasileiros. Altair Firmino, por exemplo, faz uma temporada fantástica e fez a segunda melhor marca nacional, atrás apenas do experiente Leandro Lutz. Já Mirlene segue colecionando pódios em competições de inverno na Europa. Na próxima semana, a equipe volta a competir, desta vez em Saafelden, na Áustria. 

Troféu Topolino

Um dia após a equipe brasileira participar de uma prova noturna na Áustria, o caçula Rhaick Bomfim competiu na 33ª edição do Troféu Topolino de esqui cross-country. O tradicional evento, que reúne as principais promessas da modalidade, aconteceu em Castelo di Fiemme, na Itália. 

O brasileiro, mais uma vez, fez bonito e mostrou que pode conquistar resultados importantes para o país no esqui de fundo. Rhaick ficou na 31ª posição na categoria ragazzi (13-14 anos), com o tempo de 15min14seg34 na prova de 5km em técnica clássica. No total, 165 competidores terminaram a prova e o vencedor foi Anze Gros, da Eslovênia, com 13min40seg83.

Leandro Ribela com seu pupilo Rhaick no Topolino (Reprodução/Facebook)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.