Guilherme Grahn conquista ótimas marcas no esqui alpino

Guilherme Grahn comemora resultados (Divulgação/CBDN)

Depois de abandonar provas logo na primeira descida e ficar com um gostinho de que poderia ter ido mais longe, o brasileiro Guilherme Grahn espantou a má sorte e conseguiu dois excelentes resultados nesta quinta e sexta-feira. O esquiador participou de duas provas de slalom em Duved/Are, na Suécia. 

Em ambas ele conseguiu completar no Top 10 da disputa e marcar pontos bem próximos do recorde nacional na categoria - que é de 36.10 pontos e foi conquistado pelo próprio atleta no ano passado. Assim, caminha para ser questão de tempo uma nova quebra nesta marca. 

Na primeira prova, Guilherme ficou na sexta posição, com 1min48seg49 e excelentes 45.09 pontos FIS - sua quarta melhor marca da carreira no slalom. A vitória foi do norueguês Morten Engvoll, com 1min44seg95. No dia seguinte, o brasileiro foi o nono, com 1min47seg10 e 48.41 pontos FIS - a oitava melhor marca de sua história. A vitória foi de Vegard Busengdal, também da Noruega, com 1min42seg88.

Mesmo com dois bons resultados, Guilherme Grahn ainda não deve tirar uma mini-férias do esqui alpino. No dia 20 de dezembro, o jovem competidor deve participar de uma corrida de slalom gigante em Are, também na Suécia. Só aí ele deve descansar e se preparar para a segunda parte da temporada. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.