Final do Grand Prix de patinação acontece em Barcelona

Yuzuru Hanyu fez mágica na final (Divulgação/ISU)

O presente e o futuro (não muito distante) da patinação artística no gelo se encontraram em Barcelona, na Espanha, neste fim de semana. A capital da Catalunha realizou a etapa final do Grand Prix sênior e júnior da modalidade. Quem esteve presente viu excelentes espetáculos entre quinta-feira e sábado. 

O maior show foi no individual masculino. O japonês Yuzuru Hanyu, atual campeão olímpico, fez uma apresentação de gala. Ele conquistou nada menos do que 110.95 pontos somente no programa curto (novo recorde mundial), obteve 219.48 no programa longo (sua melhor marca da temporada) e terminou com incríveis 330.43 pontos, quebrando mais uma vez o recorde mundial! O espanhol Javier Fernandez, atual campeão mundial, terminou com a prata e Shoma Uno, do Japão, foi bronze. 

No individual feminino, a Rússia segue à frente das demais nações. Desta vez, o título ficou para a jovem Evgenia Medvedeva, que fez 222.54 pontos e conquistou seu primeiro ouro na categoria sênior. A prata ficou com Satoko Miyahara, do Japão, e a também russa Elena Radionova foi bronze. 

Nos pares, a Rússia conquistou seu segundo ouro nos pares, com a dupla Ksenia Stolbova e Fedor Klimov, com 229.44 pontos. Meagan Duhamel e Eric Radford, do Canadá, ficaram na segunda posição e os russos Yuko Kavaguti e Alexander Smirnov completaram o pódio. 

Por fim, na Dança no Gelo, o casal canadense Kaitlyn Weaver e Andrew Poje confirmaram o favoritismo e levaram o título com 182.66 pontos na somatória das duas apresentações. Madison Chock e Evan Bates, dos EUA, ficaram com a prata e o italianos Anna Cappelini e Luca Lanotte conquistaram o bronze. 

Final Júnior

As disputas da categoria Júnior foram polarizadas pelos Estados Unidos e Rússia. Ambos conquistaram duas medalhas de ouro e dividiram as atenções deste fim de semana no ringue de patinação de Barcelona, na Espanha. 

O primeiro ouro norte-americano veio no individual masculino. Nathan Chen venceu com 225.04 pontos na somatória das duas apresentações. Ele deixou o russo Dmitri Aliev com a prata e Sota Yamamoto, do Japão, com o bronze. O segundo ouro dos Estados Unidos foi do casal Lorraine McNamara e Quinn Carpenter, que somaram 158.26 pontos. Os russos Alla Loboda e Pavel Drozd terminaram na segunda posição e os também norte-americanos Rachel e Michael Parsons completaram o pódio. 

A Rússia deu o troco no feminino e nos pares. Polina Tsurskaya venceu a prova individual com 195.28 pontos, seguida por sua compatriota Maria Sotskova - Marin Honda, do Japão, foi bronze. Nos pares, a dupla Ekaterina Borisova e Dmitry Sopot ficou com o título ao marcar 171.86 pontos. A prata foi dos tchecos Anna Duskova e Martin Bidar, seguidos pelos russos Amina Atakhanova e Ilia Spiridonov. 

Lorraine McNamara e Quinn Carpenter, ouro na dança no gelo júnior (divulgação/ISU)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.