Skeleton júnior disputa primeira classificatória olímpica

Savannah, Robert e Laura (Divulgação/CBDG)

Neste sábado à noite começou a caminhada dos jovens competidores de skeleton rumo aos Jogos da Juventude de Inverno, na cidade norueguesa de Lillehammer. A vila norte-americana de Lake Placid organizou a primeira classificatória olímpica da modalidade. A segunda descida acontece neste domingo, às 18h no horário local (20h no horário brasileiro de verão). 

O Brasil esteve representado por três atletas e conquistou bons resultados neste primeiro dia. No feminino, Laura Nascimento foi a sétima colocada, seguida por Savannah Fracasso, oitava. Entre os homens, Robert Barbosa ficou na nona posição - o resultado oficial ainda não foi divulgado para sabermos o tempo e o número de participantes. 

Aliás, o único ponto negativo foi justamente o streaming disponibilizado pela federação norte-americana de bobsled e skeleton. Até sexta-feira a transmissão ao vivo funcionava perfeitamente, mas justamente neste sábado, com a primeira competição oficial, eles fecharam a exibição para a região da América Latina - mesmo com o Brasil interessado nesta disputa! 

Enfim, o importante é que o primeiro passo para os Jogos Olímpicos da Juventude foi dado. Depois da disputa em Lake Placid, acontecerão mais quatro etapas na Europa entre novembro e dezembro. Para efeitos de classificação no ranking, serão considerados os quatro melhores resultados de cada atleta. 

São 20 vagas reservadas ao skeleton nos Jogos da Juventude de Inverno, sendo um por país. Entretanto, caso não exista vinte países participantes, o Comitê Olímpico Internacional vai permitir a inscrição de dois competidores por país (de acordo com o ranking). Por isso que a CBDG tem uma expectativa grande de conseguir classificar os três jovens e fazer história em 2016. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.