Japão conquista títulos do Grand Prix de Esqui Saltos

Sara Takanashi e Kento Sakuyama (Divulgação/FIS)

A temporada de esportes de inverno mal começou, mas uma atleta já promete dominar as competições de esqui saltos. A japonesa Sara Takanashi ainda não sabe o que é perder desde que as competições começaram, em agosto, e acaba de conquistar o título do Grand Prix 2015 da modalidade. 

O troféu, aliás, foi conquistado de forma incontestável: a jovem atleta venceu as cinco etapas do calendário e conquistou 100% dos pontos na classificação geral. Sua compatriota Yuki Ito bem que tentou acompanhar e conquistou três pratas e um bronze nas cinco etapas, mas ficou com o vice-campeonato, 150 pontos atrás. Nita Englund, dos Estados Unidos, ficou na terceira posição.

Os dois últimos triunfos de Sara Takanashi no Grand Prix de esqui saltos aconteceu neste fim de semana em Almaty, no Cazaquistão. Na primeira descida da montanha HS 106, ela somou 246.8 pontos e ficou à frente de Englund, segunda colocada, e Yuki Ito, terceira. Depois, já com o título conquistado, ela fez 237.1 e enfileirou o quinto triunfo seguido, com Ito como medalhista de prata e Jacqueline Seifriedsberger, da Áustria, com o bronze. 

A Copa do Mundo de Esqui Saltos feminino começa em Lillehammer, na Noruega, entre os dias 4 e 6 de dezembro. Ao menos que uma atleta tenha escondido o jogo durante o Grand Prix, é difícil imaginar alguém para tirar mais um título da jovem e talentosa japonesa. 

Japão também vence entre os homens

Na disputa masculina, o Japão também levou a melhor no Grand Prix de Esqui Saltos. Com 525 pontos na classificação geral, o atleta Kento Sakuyama é o campeão desta temporada com uma etapa de antecedência. Robert Kranjec, da Eslovênia, tem 349 e está na segunda colocação. O norueguês Kenneth Gangnes é o terceiro com 342. 

O título foi confirmado em Almaty e exemplificou bem a regularidade obtida pelo atleta japonês. Sakuyama venceu apenas uma etapa, mas esteve no pódio ou próximo dele nas dez etapas realizadas até aqui. 

Na primeira descida na montanha cazaque HS 140, por exemplo, o líder da classificação foi apenas o quinto colocado e viu o austríaco Stefan Kraft vencer com 307.6 pontos, seguido por Kranjec e o russo Ilmir Hazettdinov, respectivamente o segundo e terceiro colocados. 

No dia seguinte, Kento Sakuyama conquistou o bronze com 259.7 pontos, o suficiente para garantir o título do Grand Prix de Esqui Saltos. O também japonês Junshiro Kobayashi venceu a etapa com 265.9 pontos, enquanto Kraft ficou com a prata. 

A última etapa da competição acontece em Hinzenbach, na Áustria, no dia 27 de setembro. Entretanto, é bom salientar que os principais competidores de esqui saltos não participaram de todas as etapas desta temporada. O alemão Severin Freund, por exemplo, teve dois ouros e uma prata nas três provas que participou. Portanto, a disputa da Copa do Mundo, a partir de novembro, promete muito equilíbrio. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.