Guilherme Grahn vence última prova no esqui alpino

Guilherme Grahn vence última prova do Brasileiro (Divulgação/CBDN)

A última prova do Campeonato Brasileiro de Esqui Alpino aconteceu na tarde desta sexta-feira, dia 28, no resort chileno de Valle Nevado. O encerramento aconteceu com uma descida de slalom e o atleta Guilherme Grahn, presente no Top 50 desta categoria em sua faixa etária, venceu a competição nacional. 

O jovem brasileiro conseguiu o tempo combinado de 1min42seg25 e terminou na 17ª colocação da classificação geral. Ele travou uma boa disputa com Michel Macedo, medalhista de prata no Brasileiro e 18º na classificação com a marca 1min42seg40. Nathan Alborghetti não completou a primeira descida e Fabio Guglielmini não participou novamente. 

No total, 33 competidores completaram as duas descidas. A vitória foi do canadense Dominique Garand com 1min37seg10. O argentino Sebastiano Gastaldi foi o melhor sul-americano ao terminar na quinta colocação com 1min38seg09. Guilherme ainda ficou na terceira posição do continente. 

Entre as mulheres, a eslovaca Barbara Kantorova venceu com 1min28seg75. A argentina Salomé Bancora ficou com a medalha de prata ao chegar pouco mais de um segundo atrás. A belga Mathilde Nelles completou o pódio com 1min30seg57. Como o Brasil Zero Grau já havia apontado, não temos mulheres brasileiras nesta edição.

Foram três dias com provas de slalom gigante, slalom e Super G, movimentando os principais atletas sul-americanos. A equipe brasileira de esqui alpino mostrou que realmente é promissora e tem tudo para pulverizar os recordes nacionais neste ciclo olímpico. Aliás, não deixa de ser curioso que tivemos três campeões diferentes, mostrando um pouco do equilíbrio e da disputa que teremos nos próximos anos. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.