Equipe de bobsled e skeleton do Brasil treina em São Paulo

Treinadora Joanne Manning comanda treinamento (Divulgação/CBDG)

A equipe brasileira de bobsled e skeleton está em São Bernardo do Campo, na região metropolitana de São Paulo, e participa da última sessão de treinos físicos desta pré-temporada de inverno. As atividades acontecem na Arena Caixa e acabam nesta quinta-feira, dia 20.

Os atletas de ambas as modalidades participam de sessões de corridas, musculação e fitness para acertar os últimos detalhes do planejamento desta temporada Os resultados, inclusive, serão comparados com os obtidos na primeira clínica realizada no Rio de Janeiro, em maio. Com eles, a CBDG irá traçar um planejamento estratégico de competições e treinos no gelo a partir de outubro.

A coordenação do treinamento em São Paulo é da britânica Joanne Manning, uma das responsáveis pela equipe ao lado de Nicola Minichiello (para quem não se lembra, elas foram contratadas graças à parceria entre a confederação brasileira e a Federação Internacional de Bobsled e Skeleton). Joanne ficará uma semana no país.

A próxima temporada é muito importante para as pretensões da CBDG no cenário internacional de bobsled e skeleton. Para o time adulto, é o último ano antes do período pré-olímpico para os Jogos de Pyeongchang, em 2018 - ou seja, é preciso deixar a casa em ordem para conseguir a classificação sem sobressaltos. Para o time júnior, o momento é correr contra o tempo para garantir vagas históricas nos Jogos da Juventude de Inverno em Lillehammer, em fevereiro de 2016.

E é justamente os jovens que devem dar a largada nas competições de inverno. No dia 12 de outubro começa a primeira etapa do Omega Series, equivalente à Copa do Mundo de skeleton e bobsled, em Lake Placid, nos EUA. O evento já conta pontos para os Jogos da Juventude. A Copa América de bobsled e skeleton começa em Calgary, no Canadá, em 1º de novembro.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.