Suécia elimina Canadá na semi do Mundial de Curling

Niklas Edin comandou a Suécia até à final (Michael Burns/WCF)

Sabe aquele papo clichê do esporte, de "time que cresce no momento certo". Pois é, ele pode ser atribuído à Suécia no Mundial de Curling masculino que está sendo realizado em Halifax, no Canadá. Após flertarem com o meio da tabela na primeira, os jogadores não só conseguiram a arrancada para a semifinal como chegaram à final da competição neste sábado.

Para isso, eliminaram os donos da casa e principais favoritos ao título. Campeões olímpicos, os canadenses terão que lutar pelo bronze contra Finlândia, outra vítima sueca neste sábado. Enquanto isso, Suécia e Noruega fazem o clássico escandinavo neste domingo para ver quem fica com o ouro. Aliás, é a repetição da decisão do ano passado, quando os noruegueses conquistaram o título. 

A epopeia de Niklas Edin e sua equipe começaram na tarde deste sábado. Terceiros colocados na primeira fase, eles enfrentaram a Finlândia pelo playoff. O perdedor iria direto para a disputa do bronze e quem vencesse enfrentaria o Canadá na semifinal.

O jogo contra os finlandeses foi equilibrado, com cada país cedendo pontos solitários. Até que no oitavo end a Suécia conseguiu dois pontos, abriu 6 a 3 e jogou pressão em cima dos atletas rivais. A Finlândia até conseguiu uma boa jogada e diminuiu para 6 a 4 no nono end, mas a vantagem do martelo e a boa estratégia de Edin garantiram o triunfo de 7 a 4. 

Após conquistarem vaga na semi, os jogadores suecos voltaram à quadra de curling em Halifax para o segundo jogo do dia em busca da decisão. Pela frente, os jogadores do Canadá e a torcida que compareceu em peso ao ginásio para apoiar a equipe local.

Os dois primeiros ends seguiram o roteiro planejado, com os dois times aproveitando a vantagem do martelo e fazendo 1 a 1 no placar. Entretanto, a partir do terceiro end, começou a brilhar a estrela de Edin. Com uma boa estratégia, a Suécia fez dois pontos e abriu 3 a 1. O Canadá voltou a marcar um ponto no quarto end, mas com o martelo nas mãos o país escandinavo conseguiu fazer 5 a 2 na metade da partida. 

O público não parecia acreditar, ainda mais quando a Suécia fez mais um ponto no sexto end mesmo sem a vantagem da última pedra! O Canadá partiu para o ataque, mas fez apenas mais um ponto já no oitavo end. Sem conseguir tirar a boa vantagem dos adversários, não restou outra alternativa ao skip Pat Simmons desistir da partida após o nono end. 

Canadá e Finlândia se enfrentam neste domingo, às 10h no horário de Brasília, pela disputa do bronze. A decisão do Mundial de Curling Masculino entre Suécia e Noruega acontece às 16h. 

Confira um vídeo com os melhores momentos da partida entre Suécia e Canadá:

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.